segunda-feira, 30 de agosto de 2021

Queda de cabelo Pós Covid, como tratar?

 

Muitas pessoas que se recuperaram da Covid-19 notaram sequelas pós-infecção pelo vírus. Uma das queixas mais comuns nos consultórios dermatológicos é a queda capilar. E acredita-se que ela acontece em decorrência do estresse físico e emocional provocado pela doença. Esse tipo de queda de cabelo é chamada de eflúvio telógeno.

O eflúvio telógeno é um processo temporário que dura cerca de 3 a 6 meses. Vale ressaltar que nem todo mundo que tiver Covid-19 vai apresentar um quadro de eflúvio. Isso depende exclusivamente do organismo e saúde de cada indivíduo.



Além da febre, que é um sintoma comum da Covid-19, outros fatores durante o período de infecção do coronavírus podem favorecer a queda capilar, como a má alimentação por falta de apetite e mal-estar, algumas medicações utilizadas nessa fase, e também estresse psicológico.

Como evitar a queda de cabelo

Não existe um tratamento específico para queda de cabelo pós Covid-19. O tratamento, na verdade, consiste em identificar a causa da queda capilar e adotar alguns cuidados essenciais para manter os fios fortes e saudáveis.

Para que os fios cresçam mais saudáveis e volumosos após um período de queda ou até mesmo para evitar que isso aconteça, Nioxin - marca profissional nº 1 contra o afinamento capilar - traz tratamentos personalizados que, além de deixar o couro cabeludo e os fios mais espessos e fortes, também oferece produtos para combater a queda capilar.

O lançamento Nioxin Anti-Hairloss Serum é um tratamento antiqueda capilar que oferece resultados imediatos com o engrossamento dos fios desde o primeiro uso. E o melhor: o uso diário do produto proporciona uma redução de até 20% da queda capilar em até oito semanas.

O sérum conta com fórmula exclusiva que combina SandaloreTM, cafeína, ácido láurico e niacinamida. O produto deve ser aplicado diretamente no couro cabeludo todos os dias, em cabelos secos ou úmidos. Basta massagear a região suavemente e deixá-lo agir, sem enxaguar.

Estresse impacta na queda dos fios

Como vimos, o estresse também pode influenciar diretamente na queda de cabelo, até mesmo naqueles que não foram infectados pela Covid-19. Pensando nisso, buscar alternativas que possam ajudar a nossa mente a desacelerar são super eficazes. Meditação, terapia, exercício físico e até mesmo descansar o corpo enquanto assiste uma série são algumas opções.

A alimentação também é primordial para melhorar a imunidade e o melhor funcionamento do nosso corpo. Saiba escolher os alimentos, evite os ultraprocessados pois eles contribuem para o processo inflamatório. Opte por alimentos in natura, como frutas, legumes e verduras.

Saiba a hora de descansar, principalmente se estiver com Covid-19. É momento de seguir as orientações médicas e repousar, minimizando esforços físicos. Assista um filme, leia um livro, ouça música ou simplesmente descanse. Uma boa noite de sono é fundamental para se recuperar da infecção e evitar que o processo de queda aumente.

Cuidar dos cabelos enquanto dorme também é uma opção inovadora e muito benéfica. O Nioxin Night Density Rescue é um tratamento antioxidante que neutraliza os radicais livres na superfície do couro cabeludo e promove a densidade capilar, além de reduzir a queda dos fios associada à oxidação da superfície do couro cabeludo. O produto deixa o couro cabeludo revigorado e é adequado para todos os tipos de cabelo.

A tecnologia de Night Density Rescue de Nioxin aumenta a densidade capilar em apenas 8 semanas, além de proporcionar a manutenção para o crescimento saudável e vitalidade dos fios.

Gostou das dicas?

Comente aqui!

Fonte: Minha Vida

Link: https:// queda de cabelo, estresse, covid, queda de cabelo pós covid, má alimentação, dieta saudável, sem estresse, comer saudável, cardápio variado, comida natural, coronavírus

Nenhum comentário:

Postar um comentário