sexta-feira, 31 de julho de 2020

Plant based diet, o que é?

Consumir alimentos com sabores e nutrientes em sua forma mais pura, diretamente da natureza. Essa é a filosofia da Whole Food Plant-Based Diet, que pode ser traduzida como "dieta à base de alimentos vegetais integrais". A recomendação para seguir esse regime alimentar é realizar refeições que contenham ingredientes frescos, ou seja, mais vegetais e alimentos minimamente processados e corte total dos industrializados. 




Para Marcella Garcez, médica nutróloga e diretora da Abran (Associação Brasileira de Nutrologia) uma dieta menos industrializada e mais natural traz benefícios que vão além de uma possível mudança no sabor e menor ingestão energética. 

A dieta plant-based, como é chamada mais comumente, indica também evitar quaisquer alimentos de origem animal, sob alegação desse tipo de item fazer mal à saúde, aumentando o risco de doenças crônicas. Mas será que excluir totalmente itens de origem animal, que podem ser saudáveis desde que preparados adequadamente e consumidos com moderação, realmente faz bem para o organismo? De acordo com Edson Credidio, nutrólogo e doutor em Ciências de Alimentos pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), esse corte pode trazer uma carência de nutrientes, por isso quem desejar seguir esse tipo de dieta deve fazer acompanhamento adequado com um médico nutrólogo ou nutricionista é fundamental..

É um conceito alimentar que valoriza o consumo de alimentos de origem vegetal íntegros em abundância, ou seja, que não sejam refinados ou ultraprocessados. E também recomenda excluir o consumo de produtos de origem animal como ovos, laticínios e carnes. "Quanto mais integral o alimento for, mais saudável ele é. Por isso, a plant-based baseia-se no consumo de hortaliças, frutas, grãos integrais e legumes. E também exclui alimentos que tenham farinhas refinadas, açúcar e gordura em excesso", diz Gisele Pontaroli Raymundo, nutricionista e professora do curso de Nutrição da PUCPR (Pontifícia Universidade Católica do Paraná). 

O estilo plant-based surgiu de uma preocupação com a saúde e a origem dos alimentos. E assim a comida de "verdade" se tornou a protagonista das refeições, mas há também um cuidado com a sustentabilidade e o meio ambiente. "É uma releitura das dietas mais simples e naturais que, com o tempo e a evolução da ciência, passou a ser comprovadamente associada à maior vitalidade. A plant-based previne doenças crônicas não transmissíveis que são, na atualidade, as maiores causas de morte no mundo", afirma Alessandra Luglio, chefe do departamento de Nutrição da SVB (Sociedade Vegetariana Brasileira) e especialista na dieta. 

O risco da deficiência de nutrientes

 A dieta plant-based pode ser considerada segura e todas as pessoas de diferentes faixas etárias podem adotá-la. Mas é importante consultar um profissional como nutricionista ou nutrólogo para ter acesso a todos os nutrientes necessários à manutenção da saúde. Vale destacar que o consumo exclusivo de vegetais, se não for bem conduzido ou orientado, pode favorecer deficiências de nutrientes específicos. "É o que pode acontecer com as proteínas, a vitamina B12, a vitamina D, o ferro, o zinco, o cálcio e o ômega 3. Por isso, é fundamental seguir a orientação de um profissional antes de começar esse tipo de dieta", diz Garcez. 

Benefícios desta dieta:

A boa notícia é que há diversas pesquisas científicas que comprovam que uma dieta baseada em vegetais e alimentos integrais é benéfica para a saúde. Isso porque oferece nutrientes e antioxidantes essenciais que reduzem o risco de algumas doenças. Um dos principais beneficiados dessa dieta é o coração. Uma pesquisa divulgada no Journal of American College of Cardiology indicou que as pessoas que adotaram uma dieta saudável à base de vegetais, frutas, grãos integrais, legumes e nozes tiveram menos riscos de desenvolver doenças cardíacas. Ao todo, foram avaliados mais 200 mil adultos por cerca de duas décadas. 

Mudar radicalmente de alimentação, deve sempre antes consultar um especialista para não prejudicar sua saúde. Nunca faça sozinho!

Coloque aqui suas dúvidas!

Fonte: Viva Bem

Link: http:// plant based diet, vegetariano, falta de nutrientes, doenças crônicas, manutenção de saúde, nutrição saudável,, nutricionista,ABRAN, SVB,

Nenhum comentário:

Postar um comentário