quinta-feira, 20 de junho de 2019

O que são suplementos hiperproteicos?

Mas o que são os suplementos hiperprotéicos e como usá-los?
Bom, antes de partirmos para as explicações, precisamos reforçar: antes de começar a tomar qualquer tipo de suplemento alimentar, é importantíssimo consultar um médico especialista e um nutricionista para não forçar o seu organismo e nem utilizar o suplemento de maneira errada.
Resultado de imagem para whey protein tipos diferentes
Saúde em primeiro lugar, certo? Dito isso, vamos aos pontos principais!
Existem várias marcas e tipos. Peça a orientação de sua nutri ou seu médico para escolher o que você precisa!

O que são os suplementos hiperprotéicos

Os Suplementos Hiperproteicos constituem-se, principalmente, de proteínas com alto valor biológico.
Além das proteínas, podem ter   carboidratos, lipídios e podem conter micronutrientes.
Resumidamente, o objetivo de quem toma suplementos hiperprotéicos é ganhar da massa muscular. Para isso, é importante não só tomar o suplemento correto, mas também realizar musculação e atividades físicas para ganho de massa.
Os suplementos suprem a necessidade de proteínas que a dieta não consegue suprir!
São eles:
-Albumina
-Caseína
-Whey protein isolado, Whey protein hidrolisado,Whey protein concentrado
Tipos de Whey Protein:
1)– Concentrado: geralmente o mais barato, pois passa somente por um processo simples de filtragem.
O resultado é uma porcentagem de cerca de 80 de proteína e 20% divididos entre carboidratos e gorduras
2)– Isolado : o processo maior de filtragem resulta em cerca de 95% de proteína.
Os carboidratos e gordura podem chegar a zero em algumas marcas, o que o torna interessante para quem quer emagrecer
3)  Hidrolisado: a superioridade da qualidade é acompanhada pelo preço, também entre os mais altos.
Além do processo de filtragem que faz com que a concentração de proteína chegue a 92%, essa proteína é hidrolisada.
Ela passa por um processo que decompõem as cadeias longas de proteínas em fragmentos menores, o que pede um trabalho muito menor do aparelho digestivo.
No fim das contas, esse tipo de suplemento de proteína tem uma absorção bem rápida.
A quantidade para tomar, os horários mais indicados serão orientados por sua nutri, pois dependem de várias informações para adequar melhor para seu caso. Não compre qualquer marca indicada apenas  pelo preço.

Estes suplementos podem ser indicados também para pessoas que não gostam de comer proteína animal e idosos para não perderem massa magra.
Patrícia Brigagão Mendes
Nutricionista

Saiba as frutas que tem mais açúcar!

O açúcar encontrado nas frutas é diferente daqueles adoçantes-padrão, como agave, mel, açúcar de coco, maple syrup ou o próprio açúcar granulado. Essas fontes de açúcar adicionado têm alto índice glicêmico, o que significa que eles são digeridos e absorvidos muito rapidamente pelo organismo. Pense: quão rápido o açúcar é absorvido quando você come um doce?
Mas quando falamos do açúcar na fruta, ele é um pouco diferente em razão das fibras e outros benefícios para a saúde As fibras fazem com que o processo do açúcar seja mais lento deixando seu corpo absorvê-lo gradualmente (isso significa que as frutas geralmente possuem um baixo índice glicêmico).
Mas há alguns casos em que você precisa prestar um pouco mais de atenção ao tipo de fruta que consome. Por exemplo, se você tem diabetes, a nutricionista diz que é preciso ser rígida com os níveis de açúcar no sangue. Nessa situação, você precisa selecionar melhor o que come e escolher uma fruta rica em nutrientes, mas com baixas doses de carboidratos e açúcar.
Se esse não for seu caso, não tema as frutas. “Todas elas trazem vitaminas, minerais, fitoquímicos e antioxidantes para as nossas dietas e, por isso, devemos consumi-las todos os dias”. “Apenas monitore o tamanho das porções e procure consumi-las com alguma proteína e gordura boa para equilibrar a resposta glicêmica – como um combinado de maçã e pasta de amendoim.”
Resultado de imagem para frutas
Como elas não trazem uma tabela nutricional, confira a seguir 12 frutas com mais açúcar:

12 frutas com mais açúcar

1. Lichia

Açúcar: 29 gramas por xícara (chá)
Essa fruta tropical carrega consigo uma boa dose de açúcar. Aqui vai uma razão para consumi-la com moderação: ela guarda 136 miligramas de cálcio, passando da dose recomendada, que é de 75 miligramas.
Por 1 xíc (chá): 125 cal, 1 g gord. (>1 g gord. sat.), 31 g carb, 29 g açúcar, 2 mg sódio, 2.5 g fibras, 1.6 g proteína.

2. Manga

Açúcar: 23 gramas por xícara (chá)
Mangas são frutas com a cara do verão. Mas têm alto índice glicêmico. Elas também providenciam um terço da sua dose diária necessária de vitamina A, que também mantém seus olhos saudáveis.
Por xíc. (chá): 99 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat.), 25 g carb., 23 g açúcar, 2 mg sódio, 2.6 g fibras, 1.3 g proteína.

3. Cerejas

Açúcar: 20 gramas por xícara (chá) de cerejas sem caroço
Com essa quantidade de açúcar por porção, não é difícil imaginar porque comemos como se fossem balas de goma. Felizmente, elas também auxiliam no sono noturno. Outros benefícios das cerejas incluem antioxidantes que ajudam a combater o câncer e o potássio, que ajuda na recuperação.
Por xíc. (chá) de cerejas sem caroço: 97 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 25 g carb., 20 g açúcar, 0 mg sódio, 3.2 g fibras, 1.6 g proteína.

4. Maçã

Açúcar: 19 gramas por maçã média
Pode surpreender o fato de que uma maçã carrega 25 gramas de carboidratos. Isso parcialmente, já que ela é rica em fibras. Maçãs também contam com muitos antioxidantes, como a vitamina C, que deixam seu sistema imunológico protegido.
Por fruta média: 95 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 25 g carb., 19 g açúcar, 2 mg sódio, 4 g fibras, >1 g proteína.

5. Laranjas

Açúcar: 17 gramas por uma fruta grande
Há muito açúcar em uma laranja, mas essa fruta deliciosa também está repleta de antioxidantes, como a vitamina C (mais do que a dose diária recomendada em apenas uma unidade) e minerais como o selênio. Dica: opte pela fruta inteira ao invés do suco. As fibras vão ajudá-la a absorver o açúcar mais lentamente.
Por uma fruta grande: 86 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 22 g carb., 17 g açúcar, 0 mg sódio, 4 g fibras, 2 g proteína.

6. Pera

Açúcar: 17 gramas por uma fruta média
Se está procurando por um lanchinho no meio da tarde, vá de pera. Não somente ela vai satisfazer sua vontade por um docinho como deve mantê-la satisfeita por mais tempo, graças às seis gramas de fibras por fruta média. Além disso, você ainda vai garantir uma boa dose de vitaminas e minerais.
Por fruta média: 101 cal, >1 gord. (>1 g gord. sat), 27 g carb, 17g açúcar, 2 mg sódio, 6 g fibras, >1 g proteína.

7. Kiwi

Açúcar: 16 gramas por uma xícara (chá) da fruta picada
Esses pequenos verdinhos parecem inofensivos, mas em uma única xícara deles há 16 gramas de açúcar. Isso dito, ele ainda carrega três vezes a sua dose recomendada de vitamina C e quase a dose completa de vitamina K.
Por uma xícara (chá): 110 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 26 g carb, 16 g açúcar, 5 mg sódio, 5 g fiber, 2 g proteína.

8. Abacaxi

Açúcar: 16 gramas em uma xícara (chá) da fruta em pedaços
Enquanto frutas tropicais, como o abacaxi, tendem a ser muito doces, uma xícara reserva 131% das suas doses diárias de vitamina C e 76% das necessidades de manganês. Ele também é super hidratante, fazendo dela uma fruta perfeita para os dias mais quentes.
Por xícara (chá): 82 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 22 g carb, 16 g açúcar, 2 mg sódio, 2 g fibras, >1 g proteína.

9. Uvas

Açúcar: 15 gramas por xícara (chá)
Desculpe pelas notícias, mas as uvas também entram nesta lista (é por isso que elas são tão deliciosas!). As rosadas são ricas em antioxidantes, mas todas as cores delas são cheias de fibras.
Vale saber: Em forma de uva-passa, o açúcar das uvas fica superconcentrado – assim como qualquer outra fruta seca. “É muito mais fácil comer uma porção maior. “Pense em 12 a 15 uvas versus 12 a 15 uvas-passas. Ambas contêm o mesmo teor de açúcar”, fala Lauren. Então, se ama frutas secas, coloque-as por cima de saladas. Não faça delas a atração principal.
Por xícara (chá): 97 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 25 g carb, 20 g açúcar, 0 mg sódio, 3.2 g fibras, 1.6 g proteína.

10. Bananas

Açúcar: 14 gramas por uma fruta média
As bananas levam uma má reputação por serem cheias de açúcar e calorias. Mas elas também trazem uma boa dose de fibras e muito potássio e magnésio, assim como outros antioxidantes, que auxiliam na cura por inflamações.
Por fruta média:105 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 27 g carb, 14 g açúcar, 1 mg sódio, 3.1 g fibras, 1.2 g proteína.

11. Romãs

Açúcar: 12 gramas por 1/2 xíc. (chá) de sementes de romã
Essas pequeninas sementes são deliciosamente docinhas. Mas essa não é a razão para a romã ser chamada de superfruta: ela está cheia de antioxidantes, que mantêm seu sistema imunológico em ordem.
Por 1/2 xíc. (chá): 72 cal, 1 gord. (>1 g gord. sat), 16 g carb, 12 g açúcar, 2 mg sódio, 4 g fibras, 1 g proteína.

12. Figos

Açúcar: 10 gramas por uma fruta grande
Figos parecem luxosos por uma razão: são ricos em açúcar e calorias por porção (como se fosse um doce). Diferentemente dos docinhos, eles aparecem com altas doses de fibras e potássio.
Por uma fruta grande: 47 cal, >1 g gord. (>1 g gord. sat), 13 g carb, 10 g açúcar, 1 mg sódio, 2 g fibras, >1 g proteína.
Fonte: MSN