quarta-feira, 5 de junho de 2019

Conheçam alguns fitoterápicos que ajudam na saúde!

As descobertas científicas extraordinárias sobre as plantas hoje, contribuem imensamente para comprovar as aplicações empíricas, tornando a Fitoterapia digna de maior crédito. Felizmente o homem está voltando a confiar nos recursos naturais, tanto para sua alimentação como para curar as suas enfermidades.
Muita gratidão devemos à sabedoria popular, aos nossos índios, a inúmeros pesquisadores e autores nacionais e estrangeiros, por tão importantes informações. 
Resultado de imagem para fitoterápicos
O poder das velhas conhecidas
ALECRIM: Emprega-se muito na debilidade cardíaca. Mostrou-se muito eficaz no tratamento da região do peito, melhorando o fluxo de energia vital, na região do coração, pulmões, brônquios, braços e mãos. Tônico do coração e do estômago, combate gases, males do fígado, rins e intestinos, estados nervosos e histéricos; Antisséptico. É indicada para tratamento de asma, bronquite, depressão física e mental, artrite, bursite, insuficiências cardíacas e renal. O óleo das flores, em massagens leves, alivia dores reumáticas. No vaso, traz alegria para a casa. Ajuda a desenvolver a percepção extrassensorial.
AMORA: Excelente para regular a disfunção hormonal.
ARRUDA:  A tintura de arruda deve ser usada com cautela e jamais por mulheres grávidas, por ser abortiva. Mostrou-se muito forte como tônico e estimulante do chakra sexual (vermelho) e em todo o sistema urogenital. Combate os vermes, impotência, anemia, fraqueza física nas pernas, varizes no sistema nervoso ciático. Pode ser utilizada em banhos de assento para pessoas que apresentam fungos ou bactérias na região genital. Promove a limpeza do chakra básico e a descarga de energias densas do corpo físico e astral. Pode ser borrifada em ambientes coletivos após festas e encontros que envolvam muita gente.
CHICÓRIA: Conhecida por "radicci" pelos italianos. Ótima salada. Utilizada para dores de estômago, fígado e rins, prisão de ventre, digestão difícil. É também um depurativo do sangue. Combate todo tipo de obstrução no organismo.
CONFREI: Erva rica em proteínas, ótimo fortificante, remineralizante, útil nas anemias, aumenta os glóbulos vermelhos. Ativa o crescimento das células, fortalece os tecidos da pele e os ossos. Combate inflamações internas e externas, fraqueza geral, hepatite e hemorróidas. Tem fácil penetração nos meridianos e sistemas nervosos que governam nossos órgãos. Cicatrizante de cortes, queimaduras e fraturas de ossos.
ERVA DE SÃO JOÃO: Além de anti-depressivo suave, tem a capacidade de cicatrizar feridas e úlceras de pele, sendo também útil nas cólicas e diarréias. Durante séculos foi considerada capaz de afastar os maus espíritos, sendo utilizada no tratamento de inúmeras doenças mentais.
GERVÃO: Combate dores do fígado e do estômago, prisão de ventre, estimulante, hemorróidas, hepatite, dispepsias, febrífugo e sudorífico. Por ser também um bom diurético, é empregado nas afeccções das vias urinárias. Observou-se também que estimula o sistema nervoso ciático, descongestionando-o e melhorando seus fluxo nervoso.
GUINÉ: Antivirótica. Excelente antigripal, dores de cabeça, enxaqueca, da vista, falta de memória, reumatismo, paralisia. Ajuda nas menstruações difíceis, é abortiva. Combate a sífilis, blenorragia e doenças venéreas. Tem grande poder de limpeza a nível astral, e sua irradiação, assim como a da arruda, aniquila seres de baixa frequência.
MANJERICÃO: Capaz de penetrar nos meridianos que governam a sensualidade (chakra laranja). Tem ação excitante. Indicado para expelir gases do estômago e do intestino. Excelente para todas as afeccções femininas. Duchas vaginais como antisséptico. Plantar no vaso em casa para atrair prosperidade. 
PFAFIA: Ginseng brasileiro. Propriedades rejuvenescedoras, tônicas e estimulantes. Restabelece a vitalidade física, mental e genésica. Afrodisíaca. Utilizada para combater anemia, fraqueza orgânica e escorbuto. Combate também o stress e a falta de memória. Alimenta energéticamente os neurônios, dando-lhes maior fluidez cerebral. Afasta os sintomas da velhice, é considerada capaz de prolongar a vida, curando doenças dos pulmões e tumores. Tem ação sobre o esgotamento nervoso. Acredita-se que melhore o vigor sexual, o tônus muscular e da pele.
SETE-SANGRIAS: É usada contra febres, arteriosclerose, moléstias venéreas, furúnculos, sífilis, anemia, hipertensão arterial, palpitações cardíacas. É sudorífica, diurética, ajuda a emagrecer, alivia e fortifica o coração. Depurativa do sangue.
TANCHAGEM: É adstringente, combate inflamações dos ouvidos, dos olhos, da conjuntivite, das gengivas, da garganta, das amígdalas, da faringe, do estômago, dos instestinos, dos rins, da bexiga e das hemorróidas. Combate também gripes e resfriados. Tônica e depurativa. A tanchagem é ótima para pessoas que levam os sentimentos para o nível mental. 
Fonte: MSN

Nenhum comentário:

Postar um comentário