sexta-feira, 14 de junho de 2019

Exercícios fora da academia, quais podem ajudar na perda de peso?

Sempre falamos aqui no Buscar Saúde sobre a importância de fazer exercício físico regularmente. Apesar da primeira opção que vem à cabeça de todo mundo ser a academia, ela não é a única opção e nem a mais eficiente como muitos pensam por aí! Neste artigo vamos falar sobre as várias oportunidades de exercício físico fora da academia.
Os treinos na academia focam em trabalhos de fortalecimentos específicos que são importantes, mas podem ser complementos ou não de outras modalidades. Se exercitar em qualquer modalidade é totalmente importante para oferecer vários benefícios para a saúde!
Estudos mostram que a maioria das pessoas que começam a se exercitar na academia acabam desistindo. O lado bom é que boa parte está buscando outros tipos de exercícios fora da academia, e vamos explicar melhor porque isso pode está acontecendo!
Como se exercitar sem ser na academia
Conheça boas dicas de exercícios físicos fora da academia!

Exercício físico regular

Quando uma pessoa decide se exercitar, ela precisa adaptar à nova rotina de exercícios aos próprios horários, ou seja, este é o principal motivo para que a maioria comece pela academia, visto que hoje em dia existem opções em quase todo bairro e com uma ótima flexibilidade de horários, algo que é praticamente impossível encontrar em outras modalidades.
Podemos dizer que pelo menos nas grandes cidades essa realidade começou a mudar, porque já existem novas oportunidades de se exercitar em vários locais diferentes como por exemplo, zumba, natação, ioga, crossfit, grupos de ciclista, corrida e outros.
Um estudo mostrou que aproximadamente 40% das pessoas se sentiam mais motivadas para se exercitar em modalidades que eram ofertadas perto da sua residência ou local de trabalho. O problema de optar pelo que tem perto e não pelo que realmente gosta, é que a médio e longo prazo a pessoa vai desanimar e querer sair!

Exercício fora da academia

Pensando justamente nesta liberdade e flexibilidade na rotina, resolvemos apresentar boas opções de exercícios que atualmente estão sendo ofertadas com bastante frequência em várias cidades, e para isso vamos começar pela zumba e treinamento funcional.
Aqui no Buscar Saúde já fizemos artigos sobre os benefícios da zumba e também do treinamento funcional. Se você quiser saber o que estas modalidades tem de bom para oferecer, basta acessar porque essa leitura complementar vale muito a pena!
A zumba é uma excelente opção para quem gosta de dançar, e o funcional apesar de ser bastante comparado com a academia, tem muitas diferenças, principalmente porque a maioria dos instrutores desta modalidade opta por locais com bastante natureza, que é um fator motivacional positivo para o exercício físico!
Os grupos de ciclismo e corrida são excelentes opções para quem busca modalidades mais dinâmicas! Como o próprio nome já sugere, existem grupos que treinam e até mesmo competem juntos, mas isso não significa que você é obrigado a competir se estiver neste grupo, porque mesmo com objetivos diferentes os membros se ajudam e a evolução é bem interessante.
Outra opção que vem recebendo cada vez mais adeptos é a luta, seja ela qual estilo for! Judô, Karatê, Muay thai e outros estão recebendo cada vez mais alunos e perto da sua casa ou trabalho pode ter uma boa opção, vale a pena pesquisar porque a filosofia de treinamento é muito boa, indo muito além da “porrada” que muitos acham!

Exercício físico em casa

O maior problema de praticar exercício físico em casa ou até mesmo se exercitar por conta própria como por exemplo correr, é justamente manter a disciplina e realizar o exercício corretamente. Em casa é muito fácil se desconectar e isso além de prejudicar o desenvolvimento no exercício, pode ser muito perigoso em algumas situações!
Os alongamentos e outros exercícios em casa podem ser uma ótima alternativa para quem tem uma rotina extremamente corrida, mas o certo é contar com a orientação de um personal para ajudar na promoção da sua saúde, impedindo que os erros comuns pela inexperiência façam o exercício se tornar perigoso.
Antes de iniciar qualquer tipo de modalidade, o certo é realizar um exame médico com testes específicos para obter a liberação médica para se exercitar. Uma pessoa pode por condições especiais ter limitações e até privações de alguns exercícios, ou seja, se ela se exercitar por conta própria, ela pode ter consequências graves e até mesmo vir ao óbito.
Com essas simples dicas você certamente está com a mente mais aberta às possibilidades de se manter fisicamente ativo sem depender da rotina monótona da academia, que é justamente o principal motivo que afasta as pessoas do hábito de se exercitar.
Caso tenha ficado qualquer dúvida ou tenha alguma sugestão, favor deixar nos comentários porque isso é muito importante para melhorar ainda mais o conteúdo do Buscar Saúde!


Fonte: Buscar saúde
Link: http://exercícios, perda de peso, academia, obesidade

Saiba o que a cor de seu Xixi pode significar!

Várias alterações no organismo podem ser diagnosticadas rapidamente se a pessoa souber analisar a cor do xixi. Caso você não saiba, a cor da urina é um indicador de desidratação e outras doenças. Neste artigo vamos explicar detalhadamente o que quer dizer as alterações da cor do xixi. Saiba se é normal urinar muito e qual a relação com a alimentação.

Cor da urina: O que observar?

Cor da urina, o que significa?

A pessoa que fica sempre de olho na cor da urina, certamente consegue cuidar melhor da sua saúde! Por mais nojento que pareça, é fundamental observar a cor e aspecto do xixi, visto que assim podemos obter informações importantes sobre o atual estado de saúde do corpo.

Cor da urina: Amarelo claro

Esta é a cor ideal da urina, significando que o nível de hidratação está bom e que a eliminação de toxinas está acontecendo da forma adequada. Os especialistas explicam que a água é fundamental para diluir as toxinas e o excesso de minerais do organismo.

Cor da urina: Transparente

Neste caso o consumo de água provavelmente esteja maior do que o necessário e com isso, os rins trabalham para retirar o excesso de água da circulação sanguínea. Se a pessoa não bebeu muita água e mesmo assim apresenta urina transparente, deve-se buscar uma orientação médica. As pessoas com diabetes costumam urinar muito e geralmente é um xixi incolor.

Cor da urina: Amarelo escuro

Neste caso a cor indica justamente a falta de água, ou seja, a desidratação faz com que o xixi fique denso e com esta tonalidade. Se a pessoa não se hidratar corretamente, em longo prazo essa condição pode causar um cálculo renal. Portanto, é fundamental beber água na hora certa para manter a hidratação corporal saudável.

Cor da urina: Laranja

Quando a pessoa faz uso de suplementos e/ou remédios, a cor da urina tende a ficar laranjada. Especialistas indicam que os pigmentos existentes na abóbora e na cenoura também podem causar esta tonalidade. No entanto, quando a urina apresenta um tom forte de laranja, pode ser um sinal de doenças no fígado.

Cor da urina: Vermelho

Quando a pessoa come beterraba, é natural que a urina e as fezes tenham cor avermelhada, ou seja, isso não é sinal de problema para a saúde.  Entretanto, se a urina for vermelha sem ter consumido este legume, pode ser um sinal de sangue na urina, que é um indicar de problema no sistema urinário.

Cor da urina: Verde ou azul

A urina azul ou verde pode ser por causada pelo corante metileno que é usado na fabricação de vários remédios. Alguns alimentos como por exemplo, o aspargo e também a cerveja verde podem provocar este efeito semelhante.

Urina espumosa: O que pode ser?

Você talvez esteja se perguntando: E quando a urina está espumosa? É importante compreender que ao cair no vaso sanitário, é natural que haja a formação de um pouco de espuma, mas quando há muita espuma a pessoa deve ficar atenta, pois pode ser um indicador de problema alimentar, principalmente quanto ao excesso de proteína na alimentação.
Fonte: Buscar saúde

domingo, 9 de junho de 2019

Como aumentar o consumo de fibras no seu cardápio?


As fibras são fundamentais para o bom funcionamento de todo o organismo. Além de promoverem saciedade, contribuem para o transito intestinal, controlar a absorção de nutrientes, regular os níveis de colesterol e índice glicêmico.
Diante de tantos benefícios, segundo as recomendações Organização Mundial da Saúde, a ingestão de fibras recomendada ao adulto é de 20 a 30 g diariamente.

Resultado de imagem para fibras solúveis

Benefício das fibras

Fibras solúveis
As fibras solúveis são consideradas melhores aliadas da dieta porque “comem” a gordura. Na prática, em contato com a água, elas se transformam em uma espécie de gel no estômago, inibindo assim a absorção de glicose e lipídios. Além disso, as fibras solúveis, que podem ser encontradas em alimentos como aveia, cevada, leguminosas e frutas, envolvem as partículas de gordura e açúcar e as eliminam junto com as fezes, acelerando assim o emagrecimento e a perda de gordura na região da barriga.

Fibras insolúveis

As fibras insolúveis, ao contrário das solúveis, chegam inteiras ao intestino, aumentam o volume do bolo fecal, estimulando a limpeza e a expulsão de toxinas e bactérias nocivas do organismo.
Fibras e água
É importante ressaltar que o consumo de fibras deve ser acompanhado da ingestão de grandes quantidades de água. Caso contrário, podem promover resultado oposto, causando inchaço e constipação.

Como consumir fibras

1. Aproveite as casas
Grande parte das frutas e vegetais concentram as fibras nas cascas. Por isso, uma dica para integrar fibras em sua cardápio é lavar bem os alimentos e, os que forem possíveis, consumir sem tirar a casca.
2. Acrescente acompanhamentos
Gérmen de trigo, linhaça, aveia e farinhas integrais também são ótimas fontes de fibra que podem servir como acompanhamento durante todas as refeições. Muitas dessas opções podem ser acrescentadas em saladas e iogurtes naturais.
3. Invista em leguminosas
Se sua alimentação não é rica em fibras, um jeito simples de atingir a quantidade recomendada é consumir leguminosas como lentilha e feijão. Esse segundo ingrediente, por exemplo, possui ¼ da porção diária indicada em uma xícara.
4. Atenção ao rótulo
Leia os rótulos dos produtos que está comprando, assim, você consegue optar por aquele com maior quantidade de fibras.

Fonte: MSN

Consumindo fibras você evita : prisão de ventre, fissura anal, diverticulite, hemorroida, câncer de reto e intestino.  Dá mais saciedade e ajuda na perda de peso. Então comece já a ingerir mais água, fazer exercícios com frequência, pois ajuda na circulação sanguínea e beba 9 a 10 copos de água por dia. Estas são dicas que também ajudam muito!

Preparei um e-book para você: "Sucesso na Prevenção e Controle da Diverticulite" contém todas as informações completas do que você precisa saber e fazer para prevenir e controlar a diverticulite. Inclui sugestões de cardápios para os vários estágios, desde sua prevenção até o controle da doença, acrescido de várias dicas importantes para se manter saudável! Clique no link abaixo e adquira já seu exemplar e ganhe um livro bônus de receitas:



Patrícia Brigagão Mendes
Nutricionista


Link: http:// prisão de ventre, fissura anal, diverticulite, fibras,saciedade, perda de peso, índice glicêmico

sábado, 8 de junho de 2019

Cru ou cozido? Como obter o melhor de frutas e legumes

Frutas, verduras e legumes são grupos de alimentos ricos em vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes, e ainda agregam cor, sabor e textura para o dia a dia. Infelizmente, no Brasil, o consumo desses alimentos é muito abaixo da recomendação: menos de 10% dos adultos brasileiros relatam consumir cinco ou mais porções de frutas, verduras e legumes por dia, que é o mínimo recomendado pela Organização Mundial de Saúde. Sendo assim, sabe-se que ainda há um longo caminho para incluir esses alimentos nos hábitos alimentares do brasileiros. A grande questão é: existe uma maneira mais eficaz de fazer isso?
Resultado de imagem para verduras e legumes e frutas

Cozinhar na água

Um estudo feito com cenourabrócolis abobrinha verificou que legumes cozidos em água preservam os antioxidantes, porém, isso faz com que eles percam a coloração. Uma opção mais interessante pode ser o cozimento no vapor.
Outros estudos verificaram que os legumes e frutas, quando aquecidos em água, no forno ou na grelha, podem perder uma quantidade significativa de fibras, quando comparadas aos mesmos alimentos crus. E um outro estudo aqui no Brasil concluiu que o uso do microondas ou panela não prejudica o teor de antioxidantes da cebola, do tomate, da banana e da maçã.

Perda de vitaminas

Já a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) verificou que, após expostos ao ar livre, a quantidade de vitamina C presente em frutas, como a laranja e o abacaxi, pode diminuir. No entanto, mesmo depois de 6 horas, o teor dessa vitamina ainda é alto, em torno de 70% do valor inicial. Além disso, é preciso ter uma atenção especial à higiene dos alimentos que serão consumidos crus. O guia alimentar para a população brasileira, feito pelo Ministério da Saúde, recomenda que sejam lavados em água corrente e depois colocados de molho com hipoclorito de sódio, para evitar a contaminação por microorganismos.

A forma de preparo que você preferir é a mais indicada :)

O consumo de cada fruta, verdura e legume depende da preferência de cada um. As frutas são geralmente consumidas cruas, mas também para variar o cardápio podem ser cozidas com canela, como a maçã e o abacaxi, ou incluídas em bolos caseiros, como banana e laranja. Além disso, diversas frutas podem ser ingredientes de preparações salgadas, como o frango com pequi, peixe ao molho de maracujá e uma salada com molho de limão e abacate.
Já o consumo de verduras também pode ser feito cru, além de refogado, em risotos, sopas e recheios de panquecas e tortas, por exemplo. Já os legumes dependem do tipo, como a abóbora e a beterraba que ficam mais adocicados depois de cozidas, o tomate e a cebola que são coringa em qualquer cozinha, e também a cenoura e o brócolis que são as opções favoritas das crianças.
O importante é consumir estes alimentos da maneira que mais agradar: salada, sopas, cozidas, assadas, grelhadas, em preparações doces ou salgadas. Uma sugestão do guia alimentar é que sejam consumidos frutas, legumes e verduras da época, já que são o período ideal de safra com menor preço, maior qualidade nutricional e sabor. Por exemplo, o morango tem a safra nos meses de inverno (maio a agosto), enquanto que o brócolis tem a melhor safra no segundo semestre do ano (agosto a dezembro). Aproveite a versatilidade destes três grupos de alimentos para deixar o dia a dia mais colorido, saboroso e nutritivo!

Fonte: Minha Vida

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Sopas para emagrecer !

Sopa Creme De Palmito


Creme de palmito

Você vai precisar de:
  • 250 gramas de palmito pupunha;
  • 3 xícaras de chá de caldo de galinha caseiro;
  • 1 xícara de chá de leite desnatado;
  • 1 colher de sobremesa de óleo de côco
  • 1 cebola pequena ralada;
  • 1 dente de alho amassado;
  • 2 colheres de sopa de farinha de aveia
  • Pouco sal.

Como preparar:
  • A cebola e o alho deverão ser refogados no óleo de côco. A seguir, junte o palmito e refogue mais um pouco, somente para que absorvam o sabor dos temperos. Isso levará 2 a 3 minutos;
  • À parte, dissolva a farinha de aveia no caldo de galinha. Adicione aos palmitos refogados. Deixe cozinhar por aproximadamente 10 minutos;
  • Quando estiver morno, será hora de liquidificar tudo isso acrescentando o leite. Volte ao fogo por mais uns 5 ou 6 minutos;
  • É hora de provar o sal;
  • Sirva imediatamente.

Rendimento: 6 porções (1 concha média)


Sopa de Frango com Gengibre


Você vai precisar de:
  • 2 filés de frango previamente cozidos e desfiados;
  • 4 colheres de sopa de cenoura cozida e picada;
  • 3 copos da água do cozimento do frango;
  • 1 colher de sobremesa de óleo;
  • 1 pedaço pequeno de gengibre (nada muito maior que uma avelã), a não ser que adore o gosto picante dessa raiz;
  • 1 cebola ralada;
  • 1 dente de alho amassado;
  • 1 colher de sopa de amido de milho;
  • Pouco sal.

Como preparar:
Inicialmente, a cebola e o alho deverão ser refogados no óleo. À parte, a cenoura deverá ser batida no liquidificador com dois copos do cozimento do caldo de frango. A seguir, esse creme deverá ser acrescentado ao refogado de cebola e alho. Nesse momento, o gengibre é incorporado à receita e tudo isso deverá ferver por alguns minutos. Enquanto isso, o amido de milho deverá ser dissolvido ao outro copo do caldo do cozimento do frango restante. Nesse instante, incorpore à fervura, mexendo sempre até que engrosse. No último minutinho, incorpore o frango, prove o sal e sirva imediatamente.

Rendimento: 4 porções
Calorias por porção: aproximadamente 150 calorias


Sopa Fria De Abacate Com Nozes


Você vai precisar de:
  • 200 gramas de abacate picado;
  • 200 ml de água de coco gelada;
  • Suco de meio limão;
  • 1 colher de sopa de nozes picadas;
  • Azeite extra virgem.

Como preparar:
O abacate, a água de coco e o limão deverão ser batidos no liquidificador. A seguir, espalhe as nozes por cima e complete com um filete de azeite extra virgem.

Rendimento: 2 porções
Calorias por porção: aproximadamente 223 calorias

Fonte: Mundo Boa Forma

Link: http:// abacate, sopa, frango, gengibre, pupunha

Conheçam alguns fitoterápicos que ajudam na saúde!

As descobertas científicas extraordinárias sobre as plantas hoje, contribuem imensamente para comprovar as aplicações empíricas, tornando a Fitoterapia digna de maior crédito. Felizmente o homem está voltando a confiar nos recursos naturais, tanto para sua alimentação como para curar as suas enfermidades.
Muita gratidão devemos à sabedoria popular, aos nossos índios, a inúmeros pesquisadores e autores nacionais e estrangeiros, por tão importantes informações. 
Resultado de imagem para fitoterápicos
O poder das velhas conhecidas
ALECRIM: Emprega-se muito na debilidade cardíaca. Mostrou-se muito eficaz no tratamento da região do peito, melhorando o fluxo de energia vital, na região do coração, pulmões, brônquios, braços e mãos. Tônico do coração e do estômago, combate gases, males do fígado, rins e intestinos, estados nervosos e histéricos; Antisséptico. É indicada para tratamento de asma, bronquite, depressão física e mental, artrite, bursite, insuficiências cardíacas e renal. O óleo das flores, em massagens leves, alivia dores reumáticas. No vaso, traz alegria para a casa. Ajuda a desenvolver a percepção extrassensorial.
AMORA: Excelente para regular a disfunção hormonal.
ARRUDA:  A tintura de arruda deve ser usada com cautela e jamais por mulheres grávidas, por ser abortiva. Mostrou-se muito forte como tônico e estimulante do chakra sexual (vermelho) e em todo o sistema urogenital. Combate os vermes, impotência, anemia, fraqueza física nas pernas, varizes no sistema nervoso ciático. Pode ser utilizada em banhos de assento para pessoas que apresentam fungos ou bactérias na região genital. Promove a limpeza do chakra básico e a descarga de energias densas do corpo físico e astral. Pode ser borrifada em ambientes coletivos após festas e encontros que envolvam muita gente.
CHICÓRIA: Conhecida por "radicci" pelos italianos. Ótima salada. Utilizada para dores de estômago, fígado e rins, prisão de ventre, digestão difícil. É também um depurativo do sangue. Combate todo tipo de obstrução no organismo.
CONFREI: Erva rica em proteínas, ótimo fortificante, remineralizante, útil nas anemias, aumenta os glóbulos vermelhos. Ativa o crescimento das células, fortalece os tecidos da pele e os ossos. Combate inflamações internas e externas, fraqueza geral, hepatite e hemorróidas. Tem fácil penetração nos meridianos e sistemas nervosos que governam nossos órgãos. Cicatrizante de cortes, queimaduras e fraturas de ossos.
ERVA DE SÃO JOÃO: Além de anti-depressivo suave, tem a capacidade de cicatrizar feridas e úlceras de pele, sendo também útil nas cólicas e diarréias. Durante séculos foi considerada capaz de afastar os maus espíritos, sendo utilizada no tratamento de inúmeras doenças mentais.
GERVÃO: Combate dores do fígado e do estômago, prisão de ventre, estimulante, hemorróidas, hepatite, dispepsias, febrífugo e sudorífico. Por ser também um bom diurético, é empregado nas afeccções das vias urinárias. Observou-se também que estimula o sistema nervoso ciático, descongestionando-o e melhorando seus fluxo nervoso.
GUINÉ: Antivirótica. Excelente antigripal, dores de cabeça, enxaqueca, da vista, falta de memória, reumatismo, paralisia. Ajuda nas menstruações difíceis, é abortiva. Combate a sífilis, blenorragia e doenças venéreas. Tem grande poder de limpeza a nível astral, e sua irradiação, assim como a da arruda, aniquila seres de baixa frequência.
MANJERICÃO: Capaz de penetrar nos meridianos que governam a sensualidade (chakra laranja). Tem ação excitante. Indicado para expelir gases do estômago e do intestino. Excelente para todas as afeccções femininas. Duchas vaginais como antisséptico. Plantar no vaso em casa para atrair prosperidade. 
PFAFIA: Ginseng brasileiro. Propriedades rejuvenescedoras, tônicas e estimulantes. Restabelece a vitalidade física, mental e genésica. Afrodisíaca. Utilizada para combater anemia, fraqueza orgânica e escorbuto. Combate também o stress e a falta de memória. Alimenta energéticamente os neurônios, dando-lhes maior fluidez cerebral. Afasta os sintomas da velhice, é considerada capaz de prolongar a vida, curando doenças dos pulmões e tumores. Tem ação sobre o esgotamento nervoso. Acredita-se que melhore o vigor sexual, o tônus muscular e da pele.
SETE-SANGRIAS: É usada contra febres, arteriosclerose, moléstias venéreas, furúnculos, sífilis, anemia, hipertensão arterial, palpitações cardíacas. É sudorífica, diurética, ajuda a emagrecer, alivia e fortifica o coração. Depurativa do sangue.
TANCHAGEM: É adstringente, combate inflamações dos ouvidos, dos olhos, da conjuntivite, das gengivas, da garganta, das amígdalas, da faringe, do estômago, dos instestinos, dos rins, da bexiga e das hemorróidas. Combate também gripes e resfriados. Tônica e depurativa. A tanchagem é ótima para pessoas que levam os sentimentos para o nível mental. 
Fonte: MSN