sexta-feira, 13 de julho de 2018

Perigos dos temperos prontos e como fazer caldo caseiro

Com a correria diária, a procura por praticidade se torna constante e, assim, os temperinhos prontos acabam sendo uma forma prática de conferir sabor aos alimentos. Basta usar um sachê ou um cubinho que já está pronto na prateleira do mercado. Porém, é preciso atenção quanto a esta prática, afinal o uso diário desses recursos não é tão legal assim.
A maioria dos produtos prontos vão conter excessos de sódio, gorduras não tão legais assim, como trans ou saturadas, e outros componentes como glutamato monossódico, que é um realçador de sabor que, com consumo rotineiro, pode ser nocivo a saúde.
Mas isso não quer dizer que você deve comer alimentos sem graça e insossos, muito pelo contrário, o caminho é investir em sabor vindo de ervas e do mínimo de sal. Temos uma imensa variedade de ervas que conferem, além de sabor ao preparo, vários benefícios à saúde.
Hoje é possível encontrar no mercado opções prontas, porém mais saudáveis, com controle tanto de sódio, glutamato, quanto de gorduras. É necessário estar de olho no rótulo do produto, tanto para analisar a composição, quanto para verificar a lista de ingredientes, sendo que o que aparecer em primeiro é o item que esta em maior volume no produto.

Faça seu próprio caldo caseiro

Tirar um final de semana para preparar um caldo caseiro pode ser uma excelente prática. Pode ser feito e congelado para utilização durante a semana. Ousar na mistura dos sabores de ingredientes também pode ser uma boa experiência e ainda conferir boas surpresas. Ingredientes como manjerona, sálvia, coentro, salsa, cebolinha, tomilho, tomilho-limão, estragão, manjericão, hortelã e mais tantos outros elementos, pode tornar o prato ainda mais saboroso!
Veja algumas opções de preparos de caldo de frango, carne, legumes e peixe. Estes caldos podem ser utilizados para enriquecer o preparo de vários pratos como arroz, sopas, purês, carnes cozidas, entre outros.

CALDO DE FRANGO CASEIRO

Ingredientes

  • 2 coxas com sobrecoxas sem a pele
  • 4 litros de água fria
  • 1 cenoura grande em pedaços
  • 3 talos de salsão limpos e picados
  • 1 cebola grande cortada em quatro quartos
  • 1 alho-poró em rodelas
  • 4 dentes de alho descascados e cortados ao meio
  • 1 amarrado de ervas aromáticas (alecrim, tomilho, estragão, orégano)
  • 3 colheres de sopa de azeite de oliva

Modo de preparo

Num caldeirão grande coloque todos os ingredientes, tampe e deixe ferver em fogo baixo. Cozinhe por 2 horas, desligue o fogo e deixe amornar. Coe e coloque o caldo em um recipiente grande, descartando os pedaços de frango e os vegetais. Deixe esfriar.
Uma camada de gordura vai se formar na superfície. Com cuidado, retire tudo com uma colher. O caldo vai estar uma espécie de gelatina. Volte ao fogo, esquente até que fique líquido de novo, retire do fogo e distribua em recipientes próprios para o congelamento, na porção que você costuma usar.
CALDO DE LEGUMES CASEIRO

Ingredientes

  • 4 litros de água fria
  • 2 cenouras grandes em pedaços
  • 4 talos de salsão limpos e picados
  • 2 cebolas grandes cortadas em quartos
  • 2 alhos-porós, só a parte branca, picada
  • 4 dentes de alho descascados e cortados ao meio
  • 3 tomates cortados em quartos
  • 1 amarrado de ervas (alecrim, tomilho, estragão, orégano)

Modo de preparo

Em uma panela grande, junte todos os ingredientes. Quando ferver, abaixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar até o caldo reduzir pela metade. Retire do fogo e peneire sem amassar os legumes. Distribua em recipientes próprios para o congelamento, na porção que você costuma usar.
CALDO DE CARNE CASEIRO

ngredientes

  • 1 kg de músculo picado
  • 4 litros de água fria
  • 1 cenoura grande em pedaços
  • 3 talos de salsão limpos e picados
  • 1 cebola grande cortada em quatro quartos
  • 1 alho-poró em rodelas
  • 4 dentes de alho descascados e cortados ao meio
  • 2 folhas de louro
  • 1 amarrado de ervas (alecrim, tomilho, estragão, orégano)
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva.

Modo de preparo

Num caldeirão grande, coloque o azeite e doure ligeiramente o músculo. Acrescente todos os outros ingredientes e, por último a água. Tampe e abaixe o fogo. Depois que começar a ferver, retire com uma escumadeira a espuma que se forma e descarte. Deixe cozinhar por 2 horas. Desligue o fogo e deixe amornar.
Coe e coloque o caldo em um recipiente grande, descartando a carne, os ossos e os vegetais. Deixe esfriar. Uma camada de gordura vai se formar na superfície. Com cuidado, retire tudo com uma colher. O caldo vai estar uma espécie de gelatina. Volte ao fogo, esquente até que fique líquido de novo, retire do fogo e distribua em recipientes próprios para o congelamento, na porção que você costuma usar.
CALDO DE PEIXE

Ingredientes

  • 1 kg de peixe inteiro, limpo e sem a cabeça
  • 3 litros de água fria
  • 2 cenouras grandes em pedaços
  • 4 talos de salsão limpos e picados
  • 2 cebolas grandes cortadas em quatro quartos
  • 2 alhos-porós, só a parte branca, picada
  • 4 dentes de alho descascados e cortados ao meio
  • 1 amarrado de ervas (alecrim, tomilho, estragão, orégano)
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva

Modo de preparo

Corte os ossos do peixe ou o peixe inteiro em pedaços e deixe de molho na água fria por 15 minutos. Num caldeirão grande, refogue os legumes e o alho com o azeite. Junte a água, as ervas e o peixe. Deixe ferver por 40 minutos. Retire a espuma que se formar. Quando amornar, passe por uma peneira bem fina sem amassar. Leve o caldo ao fogo por mais dez minutos. Deixe esfriar. Uma camada de gordura vai se formar na superfície. Com cuidado, retire tudo com uma colher. Volte ao fogo, esquente até que fique líquido de novo, retire do fogo e distribua em recipientes próprios para o congelamento, na porção que você costuma usar.
fONTE: MSN
LINK: HTTP://sódio, glutamato monossódico,caldo caseiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário