sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Obesidade X Reeducação alimentar!

Apesar dos esforços dos profissionais, indivíduos obesos, governo e indústria, a prevalência da obesidade continua aumentando.

Ao contrário do que pensam as pessoas com sobrepeso ou obesidade que geralmente procuram uma fórmula mágica para emagrecer - pois quase sempre tem pressa - a obesidade é uma doença crônica, ou seja, deve ser tratada por toda a vida.
O tratamento da obesidade envolve mudança de estilo de vida. E para isso, precisamos de tempo, ou seja, as pessoas que precisam emagrecer devem seguir não uma dieta restritiva e sim fazer uma reeducação alimentar, corrigindo os hábitos alimentares errados, um dos fatores responsáveis pelo aumento de peso. Novos hábitos são adquiridos com prática no dia-a-dia.
É preciso também praticar exercícios físicos regularmente e procurar ser mais ativo no dia-a-dia. Dormir bem é fundamental.
O que seria uma reeducação alimentar? É uma alimentação que contém todos os grupos de alimentos considerados “saudáveis” e também os “não saudáveis”. No dia-a-dia, consumir frutas, verduras, legumes, grãos integrais, castanhas, carnes magras, leites e derivados magros. Doces, frituras e guloseimas também podem fazer parte desta alimentação, desde que consumidos com moderação.
O importante é que as pessoas tenham prazer ao se alimentar ao invés de culpa.
Obesidade se previne com reeducação alimentar e não com dieta restritiva.
Fonte: Abeso

Nenhum comentário:

Postar um comentário