sábado, 4 de março de 2017

Benefícios do consumo do óleo de abacate

 É assim que o óleo de abacate( azeite das américas) ficou conhecido e, apesar de ainda não ser muito comum no Brasil, o produto tem destaque na lista dos óleos funcionais que protegem o organismo contra diversas doenças. "Basta acrescentar uma colher de sopa a preparações cruas ou nas saladas", afirma a nutricionista. Conheça os benefícios de mais este aliado da saúde e incremente o sabor das receitas.

Efeito anti-inflamatório

O óleo possui altas concentrações de vitamina E, que oferece ação antioxidante e anti-inflamatória ao organismo. "A vitamina E oferece proteção contra os efeitos nocivos dos radicais livres, contra aterosclerose, inflamações das articulações e complicações provocadas pelo diabetes", diz a nutricionista.

Previne doenças cardiovasculares

Assim como o azeite de oliva, o óleo de abacate possui ácidos graxos monoinsaturados e poli-insaturados, que contribuem para a saúde do coração. "O óleo age diminuindo os níveis triglicérides colesterol ruim, sem alterar os níveis de colesterol bom', diz a nutricionista  "Além disso, o óleo de abacate ajuda a prevenir o desenvolvimento de lesões das artérias, outro fator de proteção para doenças cardiovasculares."

Câncer de próstata

O óleo de abacate contém uma substância chamada beta-sitosterol, que inibe a enzima esteroide 5-alfa-reductase (relacionada à redução na produção de testosterona). 'Inibindo a ação dessa enzima, o organismo produz mais testosterona e evita um desequilíbrio hormonal, prevenindo o aumento progressivo da glândula da próstata e, consequentemente, o câncer de próstata, diz a nutricionista ."O beta-sitosterol também age reduzindo a hiperplasia prostática, que é a dilatação da próstata." 

Controle da glicemia

As gorduras insaturadas e o beta-sitosterol presentes no óleo promovem a aceleração dos processos metabólicos nas células, que produzem mais energia de forma eficaz. "Com a respiração acelerada, a utilização de glicose é aumentada e isso contribui para o controle da insulina e do açúcar presente no sangue", diz a nutricionista  Essa ação é benéfica para qualquer pessoa, mas em especial para quem tem intolerância ao açúcar, resistência à insulina e diabetes.

Fortalece a imunidade

"Por possuir uma combinação única de lipídios, fitoquímicos, vitaminas, ômegas e antioxidantes essenciais para a saúde, o óleo de abacate é muito eficaz para manter o sistema imunológico fortalecido e o corpo livre de radicais livres", afirma a nutricionista  "Além disso, a enzima beta-sitosterol age aumentando a produção de células de defesa no corpo", diz a nutricionista .

Ajuda no emagrecimento

Mais uma vez as gordura insaturadas e a beta-sisterol são as responsáveis por esse benefício. "Eles controlam os níveis do hormônio cortisol que, em excesso, pode diminuir o gasto de energia e aumentar o apetite, a retenção de líquidos e a absorção de gorduras e açúcares", afirma a nutricionista .  O cortisol controlado evita o acúmulo de gordura abdominal e favorece o aumento de massa magra.

Rejuvenescimento da pele

As vitaminas A, D e E presentes no óleo de abacate possuem um alo poder antioxidantes e participam da produção de colágeno, formando um time campeão na luta contras as rugas. "A vitamina A ajuda prevenir a pele seca, enquanto as vitaminas E e D são eficazes contra rugas da pele e retardam o processo de envelhecimento", diz a nutricionista . Os especialistas também recomendam o uso do óleo de abacate como produto cosmético, porém mediante consulta ao dermatologista e compra do produto recomendado para esse fim.
Fonte: Minha Vida

Nenhum comentário:

Postar um comentário