sábado, 23 de abril de 2016

Dançar emagrece! Divirta-se e acabe com as calorias


Se você deseja emagrecer, mas não gosta muito de academia, ou não aguenta mais fazer exercícios chatos e repetitivos, não se preocupe, pois você pode perder peso dançando. Isso mesmo! Dançar emagrece e proporciona vários outros benefícios para a saúde.
Dançar emagrece mesmo!
dançar emagrece e é divertidoA dança é uma atividade artística, mas ela é essencialmente aeróbica, ou seja, faz o corpo gastar muita energia.
A dança é uma atividade muito divertida, que além de proporcionar queima de calorias, promove desenvolvimento do raciocínio, expressão corporal e emoções, motor e concentração. Mas não é só isso, a dança também ajuda a aumentar a autoestima e o bem-estar, e favorece a socialização.
Para começar a perder peso dançando você precisa fazer duas coisas primeiro:
  • Escolher um estilo que mais te agrade;
  • Visitar o médico e fazer uma avaliação. Isso é importante para que você saiba o seu real estado de saúde. Essa atitude simples pode evitar muitas complicações, como lesões, por exemplo.
Agora eu vou falar sobre algumas danças que emagrecem. Aproveite para ir pensando sobre qual estilo mais te agrada.

1 – Zumba

A Zumba é uma dança muito divertida que está fazendo muito sucesso hoje em dia. Essa dança é excelente para ajudar na perda de peso, pois ela faz o corpo queimar uma quantidade enorme de calorias.
Os treinos de Zumba são sempre muito divertidos e animados, e são perfeitos para quem não tem muito costume de dançar, pois os passos são simples, e podem ser feitos facilmente por iniciantes.
Dançar emagrece sim, e a Zumba é um exemplo perfeito dessa verdade.

2 – Axé

O Axé é um estilo musical muito animado, e junto com as músicas vem sempre uma coreografia bastante agitada, que pode fazer o corpo perder facilmente até 400 calorias em apenas 60 minutos.
Além disso, as coreografias do Axé proporcionam ao corpo mais agilidade, coordenação motora e flexibilidade.
Aposte no Axé e emagreça com saúde!

3 – Forró

O Forró é um ritmo genuinamente brasileiro que faz muito sucesso. E se você pensa que o Forró proporciona apenas diversão, saiba que ele é um ritmo que pode te ajudar a perder até 474 calorias por hora. É muita coisa, e o bom é que você emagrece se divertindo.

4 – Frevo

O Frevo também é outro ritmo que nasceu no Brasil. Ele é muito contagiante, e é um dos ritmos que mais emagrecem. Para você ter uma ideia, uma hora dançando Frevo pode fazer você perder até 600 calorias.
Além de emagrecer, o Frevo melhora o equilíbrio, trabalha os quadris, os glúteos, as pernas e os braços, deixando o seu corpo mais bonito, flexível e saudável.

5 – Salsa

Salsa é um ritmo muito sensual e intenso. De origem cubana, esse ritmo exige do praticante muito fôlego e resistência, afinal, é preciso mexer bastante os quadris, os braços e as pernas. Mas vale a pena, pois dançar salsa por 60 minutos pode acabar com nada menos que 594 calorias.

Melhore os seus resultados!

Agora você já sabe que dançar emagrece. Mas além de fazer aulas de dança, você precisa também cuidar melhor da sua alimentação.
As aulas de dança podem te ajudar a queimar muitas calorias, porém, se a sua alimentação for totalmente desregrada, as calorias que você perde durante as aulas de dança não farão muita diferença, pois os alimentos que você ingere colocarão elas novamente dentro de você.
Portanto, nunca deixe de se alimentar de forma balanceada e saudável.
Fonte:emagrecimento urgente.com

Dieta detox e seus cuidados básicos!

Você andou passando dos limites e comendo mais do que está habituada (e, o pior, pratos que não está acostumada)? A ingestão de alimentos ricos em gordura e açúcar, assim como enlatados, contribui para o aumento de componentes tóxicos no organismo - que, sobrecarregado, pode não dar conta de todos eles.
Resultado: células inflamadas, resistência baixa, cansaço, pele opaca e peso extra. “O corpo elimina naturalmente as toxinas pela transpiração, respiração, fezes e urina. Só que às vezes o acúmulo dessas substâncias é tão grande que é preciso dar uma forcinha fazendo uma dieta desintoxicante”, diz a nutricionista .

Por isso, nada melhor do que começar essa faxina no organismo. Além de dar uma afinada nas formas, você ainda combate o inchaço e diminui a celulite. Nesta reportagem, você encontra dez soluções práticas (e deliciosas) para incluir no dia a dia. Tem tempero para a salada que ativa o metabolismo e desincha, frutas que promovem uma desintoxicação e farinha para colocar o intestino na linha. Preparada?

1. Evite industrializados

Na desintoxicação, até mesmo a versão light dos molhos industrializados deve ser eliminada do cardápio, pois tem grande quantidade de sódio e gordura. Fique com os temperos naturais. “O vinagre de maçã e o de limão, por exemplo, trazem substâncias antioxidantes e fortalecem a imunidade, deixando o organismo mais ativo contra as toxinas. Já o azeite de oliva lubrifica o intestino, otimizando a eliminação dessas ‘sujeiras’, e ainda acelera as funções metabólicas”, diz Lizandri Rangan, coordenadora do serviço de nutrição e gastronomia do Hospital Leforte, em São Paulo.

2. Experimente a farinha de banana verde

A nova febre nas lojas de produtos naturais favorece a flora intestinal. A fama tem a ver com o tipo de amido, que chega intacto ao intestino e produz substâncias que alimentam as bactérias benéficas e formam uma barreira contra as intrusas. Com isso, os nutrientes são bem absorvidos e você espanta a fome. Use a farinha de banana verde no lugar da tradicional, no preparo de pratos como bolo e torta.

3. Aposte em frutas cítricas

A turma da acerola, kiwi, caju, limão e laranja, por meio de um composto chamado limonoide, faz com que o fígado libere mais toxinas do organismo. “Esse efeito pode ser conseguido com a fruta consumida in natura ou usada no preparo de peixes, sucos ou saladas”, avisa a nutricionista Isabel Jereissati.

4. Coma alimentos crus

Pelo menos 50% do prato de uma refeição deve ter opções frescas e cruas. “Dessa forma, você garante a ingestão de uma boa quantidade de itens desintoxicantes, como fibras e água”, explica Lizandri Rangan.

5. Coloque uma folha de couve no cardápio

Na salada, no suco ou refogada, ela estimula as enzimas que neutralizam as toxinas. “Vale lembrar que a verdura ainda é rica em vitaminas do complexo B, que facilitam o metabolismo da proteína, do carboidrato e da gordura”, completa Lizandri.

6. Tome chá de hibisco

A bebida ajuda a reduzir a retenção de líquido. De quebra, ainda potencializa a queima da gordura, pois combina vitamina C, cálcio e antocianina. Faça assim: coloque 1 col. (chá) de hibisco em 1 xíc. (chá) de água quente e abafe por cinco minutos. Depois, coe e beba em jejum no café da manhã.

7. Beba muito líquido

Ao longo do dia, o hábito é fundamental na eliminação de toxinas por meio do suor, das fezes e da urina. Aqui, vale água, chá ou suco natural, sopa e até alimentos aquosos, como melancia, melão, alface e pepino.

8. Invista em chá verde com gengibre

Ele acelera o processo de desintoxicação e o metabolismo. A nutricionista Lara Natacci, de São Paulo, dá a receita: ferva por três minutos 1 pedaço (3 centímetros) de gengibre em 1 litro de água, desligue o fogo, acrescente 3 col. (sopa) de chá verde e abafe por 15 minutos. Coe e beba ao longo do dia.

9. Adicione maçã e brócolis à dieta

Eles amenizam os estragos causados pelas toxinas. “Tanto a maçã quanto o brócolis são boas fontes de antioxidantes, que evitam a formação dos radicais livres e diminuem os efeitos do envelhecimento e o aparecimento de doenças degenerativas, como o câncer”, diz Lizandri Rangan.

10. Consuma fibras

Encontradas na farinha de trigo, no macarrão e no arroz integral, elas varrem as toxinas para fora do organismo. Além disso, favorecem o bom funcionamento do intestino, outro que ajuda nessa limpeza.
Fonte:Boa Forma

Para que servem certos chás?

As ervas e outros ingredientes naturais são capazes de aliviar diversos tipos de sensações ruins. As infusões são ótimas opções para alivar esses males e, de quebra, ainda garantem aquela sensação gostosa de conforto.
Para metabolismo lento...
Chá verde
A bebida termogênica é capaz de acelerar o metabolismo e aumentar a queima de energia. É uma ótima opção para substituir o cafezinho ou para potencializar o treino na academia.
Para insônia...
Chá de camomila
O consumo regular de chá de camomila ajuda a acalmar e a relaxar, especialmente se ingerido antes de dormir. Complemente o ritual abaixando as luzes do ambiente e ficando longe dos eletrônicos.
Para estresse...
Chá de erva-cidreira
o chá de erva-cidreira é aromático e delicioso para momentos de descanso. Aproveite para curtir também o preparo, desde escolher a planta até esperar o tempo da infusão. De quebra, a sua cozinha ficará deliciosamente perfumada.
Enjoo...
Chá de gengibre
A infusão de gengibre atua na desintoxicação do corpo, aliviando náuseas e até reduzindo o desconforto abdominal. Se o sintoma persistir, não deixe de procurar auxílio médico.
Inchaço e má digestão...
Chá de hortelã
O chá de hortelã é digestivo e muito gostoso para ser consumido após as refeições. Vale beber gelado ou quente. Se quiser, adoce com mel.
Fonte:MSN