sexta-feira, 4 de novembro de 2016

HMB E SUAS INDICAÇÕES

O que é o HMB?

O HMB é o Ácido β-Hidroxi β-metilbutírico (β = beta), um metabólito do aminoácido L-Leucina, um dos aminoácidos essenciais ao corpo humano e constituinte dos aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs). Ele é sintetizado pelo corpo humano, naturalmente, mas também pode ser obtido via suplementação, já que o corpo produz quantidades pequenas.
Como se sabe, a L-Leucina possui grande influência na principal via de síntese anabólica e/ou proteica do corpo, a que envolve processos relacionados com a mTOR. Após a conversão da L-Leucina em KIC (cetoisocaproato), ele então faz com que haja derivações para o HMB, que no corpo humano tem ação poupadora de aminoácidos, evitando assim o catabolismo muscular.
Sendo de extrema importância no metabolismo natural do corpo para evitar a degradação proteica, podemos considera-lo como essencial na sinalização do anabolismo muscular, resultando em aspectos de síntese proteica otimizados.
embalagem-optimum-nutrition-hmb

Como o HMB deve ser usado?

O HMB normalmente é utilizado em porções de 1-1,5g divididos em 1-3 tomadas ao dia. Por exemplo, pode-se usar o HMB em três doses diárias de 1g ou apenas em duas doses diárias de 1,5g, completando sempre 3g por dia.
Os períodos mais comuns do uso do HMB estão ao acordar, antes de dormir, antes do treino e depois dos treino (momentos mais importantes). Mas, tudo dependerá de acordo com o que você objetiva e com as dosagens utilizadas. Ele pode ser utilizado com outros suplementos, pois não tem interação negativa.
Benefícios do HMB
Podemos concluir então que o HMB é um suplemento que pode nos trazer bons benefícios, como:
  • Aumento da força;
  • Aumento da massa muscular;
  • Melhor recuperação muscular;
  • Diminuição da gordura corporal;
  • Aumento e otimização da síntese proteica;
  • Minimiza a perda de proteínas.
HMB tem efeitos colaterais ?
Até agora nenhum efeito colateral reconhecido foi relatado ou documentado por causa do uso de HMB. Como declarado antes, HMB é uma substância natural produzida pelo corpo humano e tomando-o nas dosagens semelhantes ?s recomendadas é seguro e é apoiado por pesquisas científicas. Estudos têm igualmente sugerido que HMB pode ajudar a saúde das artérias e também reduzir os níveis de colesterol.
Fontes de HMB
As fontes alimentares relativamente ricas em HMB incluem lampreia (peixe-gato), toranja e leite materno.
O que acontece com o nosso organismo na falta de HMB
Não há especificações na literatura sobre a carência de HMB, uma vez que o nosso corpo produz pelo menos uma quantidade mínima desta substância.
Contra-indicações do uso de HMB
Alguns estudos sugeriram que o seu uso poderia estar associado a problemas renais. Porém outros estudos, que utilizaram a suplementação com HMB, durante 8 semanas, com posologias de até 6 gramas por dia de treinamento com resistência constataram parece não exercer efeitos adversos sobre a função das enzimas hepáticas, o perfil dos lipídios sanguíneos, a função renal ou a função imune.
Outros estudos deverão ser realizados para avaliar os efeitos a longo prazo dos suplementos de HMB sobre a composição corporal, a resposta ao treinamento e a saúde e segurança globais.
É necessário ciclar ou alternar o uso do HMB
Alguns estudos recomendam que a dosagem de HMB é de 1,5-3g por dia durante 4-8 semanas. Enquanto outros sugerem que a dosagem pode ser de até 6 gramas por dia. Sendo o período máximo de sua utilização em testes de 8 semanas, não havendo mais informações sobre dosagens e os resultados do uso de HMB após este período.
O HMB está proibido pela ANVISA?
Não, esta afirmação é incorreta. Existe no Brasil o único HMB com registro definitivo publicado em DOU. É da marca Arnold Nutrition e pode ser consumido como suplemento alimentar.
Referencias Bibliográficas
BACURAU, Reury F. Nutrição e Suplementação Esportiva. São Paulo: Phorte, 2001.
BIESEK, Simone et al. Estratégias de Nutrição e Suplementação no Esporte. São Paulo: Manole, 2005.
MCARDLE, William D. et al. Fisiologia do Exercício ? Energia, Nutrição e Desempenho Humano.
FONTE: hIPERTROFIA.ORG e Dicas de Musculação

Nenhum comentário:

Postar um comentário