sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Alimentos que pioram a Candidíase

A candidíase é uma condição muito comum que 75% das mulheres passa ao menos uma vez na vida. A infecção, provocada pelo fungo Candida albicans, provoca coceira, ardor e corrimento esbranquiçado. Apesar de o fungo estar presente na superfície da pele e no trato digestivo, ele é inofensivo até encontrar calor e resistência baixa, requisitos fundamentais para sua multiplicação.
Com o tempo quente e úmido do verão, as chances de a vagina se tornar num habitat favorável para a proliferação da candidíase aumentam consideravelmente. As chances podem aumentar mais ainda quando a flora vaginal fica desestabilizada, por causa de medicamentos, infecções, má alimentação ou estresse.
Dentre todos os fatores que permitem a proliferação da Candida, a alimentação é um dos mais contornáveis. Segundo o ginecologista José Bento, dos hospitais São Luiz e Albert Einstein, em São Paulo, o cardápio deve ser revisado quando ocorre o problema. "Em vez de usar os cremes ou óvulos vaginais antifúngicos de rotina, vale a pena revisar seus hábitos com o seu médico", comenta.
Confira na galeria acima alguns dos alimentos que devem ser evitados quando a infecção aparece, e que devem ser controlados para que ela não volte a atacar:

AÇÚCAR

O açúcar altera o pH da vagina de modo a favorecer a proliferação dos fungos, diz José Bento. O açúcar em geral, refrigerantes, mel e sucos de fruta devem ser evitados.

CARBOIDRATOS REFINADOS

Macarrão, pão e arroz branco fazem parte do grupo de carboidratos simples, que elevam a taxa de açúcar no sangue. Troque pelas versões integrais e com fibras.

LATICÍNIOS

Os produtos à base de leite, como queijos e iogurtes, por terem potencial alergênico, podem desequilibrar a flora digestiva.

SOJA

A soja tem potencial alergênico, que pode desequilibrar a flora digestiva.

FRUTAS DE ALTO ÍNDICE GLICÊMICO

As frutas possuem frutose, seu açúcar natural, e podem ser nocivas neste momento. Manga, melancia, caqui e uva não são indicadas, mas frutas de baixo índice glicêmico, como morango, pera, pêssego, maçã e ameixa são absorvidas mais lentamente. Sucos de fruta e frutas secas, nem pensar.

VINHO E CERVEJA

Bebidas são fermentadas pela ação de fungos, por esta razão eles devem ser evitados. Isso pode confundir o sistema imunológico e desequilibrar os microrganismos que vivem naturalmente no intestino, diz Fábio Bicalho, membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional.

VINAGRE

A fermentação do vinagre pode prejudicar a flora intestinal.

GORGONZOLA

O queijo gorgonzola é também fermentado.

CONSERVAS

Produtos como picles e palmito em conserva estimulam a proliferação dos fungos.

EMBUTIDOS

Embutidos também estimulam a proliferação dos fungos.

COGUMELOS

Todos os tipos de cogumelos estimulam a proliferação dos fungos.
Fonte: Boa Forma

Nenhum comentário:

Postar um comentário