segunda-feira, 8 de agosto de 2016

TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL PARA A PERDA DE PESO- dicas práticas




  • Organize o seu dia para dar tempo suficiente para comprar, preparar e comer alimentos saudáveis. Defina um alarme, se necessário, para que não fique a ver televisão ou a trabalhar no computador.
  • Escolha lanches saudáveis que tenham uma textura e sabor agradáveis . Você pode gostar da crocância de cenouras, o agro dos cubos de queijo, ou a suavidade do iogurte congelado. Beber uma xícara de chá quente a meio da manhã ou um lanche no meio da tarde podem fazer com que a saciação dure mais tempo e sinta mais satisfação.
  • Fale com a família e amigos e transmita-lhe a sua intenção de perder peso. Não hesite em pedir-lhes apoio para melhorar a sua saúde. O ideal é trabalhar em conjunto, juntamente com um amigo ou membro da família, significa que vocês podem incentivar-se e apoiarem-se uns aos outros e ajudarem a manter o outro focado no objetivo.
  • Fique “no momento presente”, enquanto come. Evite comer em frente ao computador, enquanto estiver dirigindo, ou a fazer um conjunto de tarefas enquanto você come. Sintonize-se com a experiência de comer, sinta o gosto e a textura daquilo que gosta, perceba o quanto a comida é satisfatória, e o que se sente ao ficar ou não saciado.
  • .
    • Relembre-se várias vezes ao dia da sua meta de perda de peso e como é importante para você. Você pode colar uma imagem na sua mente de uma versão mais magra de você, ou escrever os seus motivos para perder peso numa ficha de registo.
    • Não se deixe apanhar por armadilhas ao  pensar que não tem força suficiente para levar o plano até ao fim. Se você acha que merece algo mais porque se tem portado bem, recompense-se com um lanche ou uma sobremesa extra baixa em calorias. Se você tem um dia ruim, não use isso como desculpa para abandonar o seu plano durante uma semana inteira. Lembre-se que você precisa de voltar ao seu plano de redução de peso o mais rápido possível para minimizar os danos.
    • Diga a si mesmo “Eu posso fazer isso.” A pesquisa mostra que a auto-eficácia, ou a confiança que você irá ter sucesso e conseguir alcançar o seu objetivo, é um poderoso preditor do comportamento futuro. Se você percebe que está pensando negativamente, adote uma atitude mais positiva, relembre-se de outras situações em que você aprendeu com sucesso um novo comportamento. Visualize-se a resistir à tentação e a ser bem sucedido na sua perda de peso.
    Essas estratégias, acompanhadas por um plano alimentar saudável, e o aumento do exercício físico, irão ajudar a que  desenvolva uma nova relação com os alimentos e aumentar o seu auto-controlo. Lembre-se de discutir o seu plano de perda de peso com um profissional de saúde, para se certificar de que é clinicamente apropriado. Se você não conseguir na primeira vez, continue tentando. Às vezes a mudança de comportamento leva tempo e pode ser necessário mais do que uma tentativa.  Você está a reaprender uma maneira mais saudável de viver e desenvolver um novo conjunto de habilidades, que muitas vezes requerem persistência e determinação.
    As recompensas de uma melhor qualidade de vida e, possivelmente, uma vida mais longa, irão valer a pena. No entanto, uma última chamada de atenção é necessária. Se você tiver outros problemas de saúde mental, como depressãoansiedade ou traumas não resolvidos, perder pesonão é suficiente, e você deve procurar aconselhamento profissional qualificado.
    Fonte: escola psicologia
    Link:http//terapiacomportamental,obesidade,perda de peso,emagrecimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário