quarta-feira, 25 de maio de 2016

Obesidade: Quais remédios podem acarretar ganho de peso?



Obesidade: Alguns remédios podem acarretar ganho de peso
Vários medicamentos podem ter um efeito adverso no peso corporal por influenciarem, tanto na ingestão dos alimentos, quanto no gasto de calorias.
Nestes casos, medicamentos alternativos com menos impacto no ganho de peso devem ser considerados. Nenhum paciente deverá suspender ou substituir um medicamento de prescrição médica, sem a autorização deste profissional.
Alguns dos medicamentos associados ao ganho de peso são:
Benzodiazepínicos (traquilizantes): como o diazepam, alprazolam, flurazepam, entre outros.São medicamentos usados no tratamento dos transtornos de ansiedade e do humor.
Corticosteróides (derivados da cortisona): como a prednisona, prednisolona, entre outros. São medicamentos de ação antiinflamatória, usados em várias doenças crônicas como a artrite reumatóide, lúpus eritematoso sistêmico, bronquite crônica grave, entre outras.
Antipsicóticos: como a clorpromazina, ziprasidona, entre outros. São medicamentos usados nos transtornos psicóticos.
Antidepressivos tricíclicos: como a amitriptilina, imipramina, nortriptilina, entre outros.São medicamentos usados nos transtornos do humor.
Estabilizador do humor: carbolitium.Esse medicamento é usado no transtorno bipolar.
Anticonvulsivante: valproato de sódio. Esse medicamento é usado no tratamento da epilepsia.
Sulfoniluréias: como a glibenclamida, glipizida, clorpropamida, entre outros.São medicamentos usados no tratamento do diabete melito.
Insulina: usada no tratamento do diabete melito.
Fonte:Projeto Diretrizes-CFM(2005).

Nenhum comentário:

Postar um comentário