segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Receitas diferentes de Tapioca

TAPIOCA COM GELEIA DE DAMASCO E CRANBERRY 
Rendimento: 1 unidade
Ingredientes:
· 2 colheres de sopa de de farinha de tapioca (goma de mandioca hidratada)
· 1 colher de sopa de flocos de aveia
Recheio
· 1 colher de sopa de cranberry desidratado
· 1 damasco
· 50 ml de água
Modo de Preparo:
Massa: Junte a farinha de tapioca com a aveia e coloque a mistura em uma frigideira bem quente. Quando ficar uma massa dourada, vire. Recheio: Coloque o cranberry e o damasco em um copo com a água e deixe hidratando por uma hora, depois coloque no processador até formar uma pasta homogênea. Coloque o recheio na tapioca e sirva.

TAPIOCA COM MUSSARELA DE BÚFALA, TOMATE E ORÉGANO 
Rendimento: 1 unidade
Ingredientes:
· 2 colheres de sopa de farinha de tapioca (goma de mandioca hidratada)
· 1 colher de sopa de semente de linhaça
Recheio:
· 3 mussarela de búfalas pequenas fatiada
· ½ tomate picado
· 1 colher de chá de azeite
· 1 pitada de orégano
· Sal a gosto
Modo de Preparo:
Massa: Junte a farinha de tapioca com a linhaça e coloque a mistura em uma frigideira bem quente. Quando ficar uma massa dourada, vire. Recheio: Misture a mussarela de búfala com o tomate, azeite, sal e orégano. Coloque o recheio na tapioca e sirva.
Fonte: Sportlife

Alimentos que ajudam ao coração e ao diabético: Caju e castanha

O caju é fonte de energia, carboidrato, fonte de energia para o corpo, proteínas, importante para a formação dos músculos, e gorduras. As fibras alimentares, que contribuem para o trânsito intestinal, vitaminas do complexo B, aliadas do sistema neurológico, vitamina C, que melhora a imunidade e vitamina K, importante para a coagulação sanguínea. 
O caju ainda possui cálcio, bom para os ossos e dentes, zinco, essencial para diabéticos e para a imunidade, manganês e magnésio, que ajudam na formação de tecido e células e também reduzem a pressão arterial.  
Ferro, que ajuda na prevenção da anemia, fósforo, essencial para os ossos, cobre, importante para a respiração, potássio, necessário para a contração muscular, e inúmeros outros nutrientes e substâncias químicas também estão presentes no pseudofruto ou na castanha.  
O caju é indicado no tratamento de anemia, previne problemas de visão como a catarata, ajuda no fortalecimento dos ossos, na prevenção de células cancerígenas e fortalece os ossos. A presença de compostos fenólicos ajuda a prevenir doenças do coração e devido às fibras, o pseudofruto contribui para o trânsito intestinal, diminuindo a prisão de ventre. 
O caju ajuda a prevenir o câncer de pulmão, mama, próstata e de boca, pois é rico em licopeno e beta caroteno, que constituem uma excelente fonte de flavonoides, que por sua vez são um dos melhores combatentes do câncer. Ele contém um flavonoide chamado proantocianidinas, que inibe o desenvolvimento do tumor e previne o crescimento de células cancerosas. 
Já a castanha do caju possui gorduras monoinsaturadas na forma de ácido oleico, que reduzem o nível elevado de triglicérides, diminuindo a pressão sanguínea e melhorando a circulação. Também é uma fonte de ômega-3, ácidos graxos, que é conhecido por combater problemas cardíacos e impedir arritmia cardíaca.  
Para os diabéticos, é importante saber que o caju possui baixa quantidade de açúcares, não aumentando a quantidade de açúcar no sangue rapidamente e também ajuda no combate de diabetes tipo 2.  
Outros benefícios são: o fortalecimento do sistema imunológico, a prevenção contra cálculos biliares, prevenção contra radicais livres ajudando no rejuvenescimento da pele, aumento da flexibilidade de músculos e articulações, e também melhoram a cicatrização de ferimentos. 
É recomendado que seja consumida de 3-5 castanhas por dia, por ter um valor calórico elevado. Do caju, uma unidade é o suficiente por dia. A melhor maneira de consumir o caju é em sucos, ou o próprio pseudofruto. Também pode ser consumido em doces, compotas, geleias e até tortas salgadas.
Fonte: MSN

Compensa fazer massagem modeladora e ser sedentário?

atividade física e a boa alimentação são fatores de extrema importância no que diz respeito ao processo de emagrecimento ou mesmo à perda de medidas. É importante considerar que qualquer proposta de remodelamento e melhora do contorno corporal deve contar com esses fatores, sinalizando bons hábitos de vida praticados pelo indivíduo que procura o procedimento. 
Visando ao remodelamento de gordura localizada corporal e à melhora do contorno corporal por meio de manobras vigorosas que a maleabiliza e facilita sua reorganização, a massagem modeladora atua sobre a circulação e possui propriedades ricas no que diz respeito ao processo de perda de medidas. Ela não possui poder para emagrecer, mas, por atuar na promoção do remodelamento corporal da gordura localizada, pode levar à diminuição de medidas. De fato, nada funciona sem que a pessoa transforme fatores, como a boa alimentação e a prática de atividade física, em estilo de vida. Caso não o faça, não ocorrerá manutenção dos efeitos do tratamento, bem como acarretará uma ineficiência da técnica empregada pelo profissional, havendo insatisfação por parte da pessoa que procurou o tratamento.  
Além desses efeitos, a massagem modeladora melhora a circulação do local abordado pelas manobras, atuando ainda na textura da pele e causando por muitas vezes um efeito visual diferenciado em relação ao início do tratamento. Cabe ressaltar ainda que a não continuidade do tratamento, assim como a prática de maus hábitos, também podem acarretar na ineficiência do tratamento. 
A relação entre o estilo de vida (alimentação saudável e prática de atividade física) e a atividade dos adipócitos (células de gordura) e do metabolismo corporal é estreita. Não se deve apenas ser saudável em seus hábitos. A busca por um profissional capacitado para orientar sobre a alimentação correta e que ajude no processo de emagrecimento também é uma excelente e inteligente opção. 
Na atividade física regular, o trabalho muscular ajuda na queima de gorduras ao ativar o metabolismo corporal, o que estimula a circulação também. Mas não é só isso. Paralelo a essa atividade, a opção da técnica manual será realizada de modo a somar ao conjunto, incluindo a alimentação, conforme já mencionado. 
Nenhum tratamento estético, e neste caso inclui-se a massagem modeladora, pode promover ?milagres?. Dedicação, determinação e esforço para que o tratamento ganhe força são bons aliados. Por meio deles, as chances de sucesso, ainda que mais tardias, são maiores e positivas. Em situação contrária a essa, o procedimento pode parecer eficiente, mas não produzirá raízes que firmem seus resultados. 
Somente com um trabalho específico para a prática de atividade física e uma alimentação adequada é possível adequar um tratamento e alcançar os resultados esperados. Ainda que a opção de tratamento não esteja orientada somente ao trabalho manual e se some a eletroterapia (uso de aparelhos para tratamento específico, neste caso, gordura localizada), não há sucesso sem que a pessoa adote um estilo de vida saudável.
Fonte: Minha Vida