domingo, 22 de março de 2015

Dieta para cálculo renal

A dieta para pessoas com cálculo renal deve ser pobre em sal e proteínas e bastante rica em líquidos. Para verificar se está ingerindo a quantidade de água suficiente preste atenção à urina que deve estar clara, límpida e sem cheiro forte.

Exemplo de dieta para cálculo renal

  • Café da manhã e lanches: suco de maçã com torradas e geleia ou chá de camomila e um pão francês com manteiga sem sal.
  • Almoço e jantar: 50 g de carne ou peixe ou frango grelhado temperado com pouco ou nenhum sal acompanhado de arroz e legumes (a primeira água de cozimento deve ser descartada e os legumes devem ser cozidos novamente).
  • Ao longo do dia beber 2 litros de água.
Todas as dietas devem ser individualizadas, por isso, é importante consultar sempre um nutricionista e manter o seu médico nefrologista informado sobre o seu plano alimentar. Uma dieta bem feita pode prevenir a formação da pedra nos rins.
Existem vários tipos de cálculo renal e o tratamento pode variar de acordo com o tipo de cálculo, porém o tipo mais comum é composto por oxalato de cálcio. O excesso de consumo de alimentos ricos em proteína ou vitamina C formam oxalatos, que são elementos que se transformam em pedra nos rins.

Alimentos indicados para cálculo renal

Os alimentos indicados para cálculo renal são principalmente os ricos em água, que permitem aumentar a quantidade de líquidos e diluir a urina, evitando a formação de cristais e cálculos.
O paciente com pedra nos rins deve beber entre 2 e 3 litros de líquidos por dia. Uma boa opção é fazer uma dieta líquida à base de suco de frutas naturais, sopas e água, assim a produção de urina aumenta e a deslocação do cálculo renal é mais fácil e menos dolorosa.

Alimentos desaconselhados para cálculo renal

Os alimentos desaconselhados para cálculo renal são os alimentos ricos em oxalatos, como o espinafre, a beterraba, o cacau, ruibarbo, alguns refrigerantes, chás (como o chá preto, mate ou verde), amendoim, café, bebidas achocolatadas e chocolate, nozes, mariscos e frutos do mar. É também importante eliminar o sal da dieta.
Na dieta para pedra nos rins deve-se evitar especialmente:
  • A proteína, procurando não consumir mais de 100 g por dia.
  • A vitamina C, não ultrapassando as 60 mg por dia. Esta vitamina está presente sobretudo nos frutos cítricos.
  • Os laticínios não precisam ser eliminados da dieta, mas devem ser reduzidos, não ultrapassando a ingestão de 3 copos de leite, por exemplo.
Uma dica boa para evitar a formação da pedra nos rins é cozinhar os vegetais ricos em oxalatos duas vezes, jogando fora a água do primeiro cozimento.

Outras informações importantes sobre cálculo renal

O médico mais indicado para tratar o cálculo renal é o nefrologista, que poderá indicar um nutricionista para adaptar a dieta e completar o tratamento da pedra nos rins evitando também a formação de novos cálculos.
Seguir uma dieta para pedra nos rins é parte fundamental do tratamento para ajudar a eliminar o cálculo, prevenir a formação e facilitar a saída do cálculo renal.
Pessoas que tenham casos de pedra nos rins na família ou que já tenham tido algum cálculo renal na vida devem ter sempre uma alimentação orientada pelo médico e nutricionista no sentido de evitar o consumo dos alimentos que facilitam a formação da pedra.
Fonte: Tua Saúde

Cardápio detox para ajudar a emagrecer depois da Páscoa!

1º dia da dieta detox pós-Páscoa
  • Desjejum - 7h
    Um copo de suco passado na centrífuga feito de uma maçã, uma pêra e dois talos de salsão; duas torradas integrais sem glúten e duas colheres de chá de geleia de frutas vermelhas sem adição de açúcar
  • Colação - 10h
    1/2 mamão papaia com uma colher de sopa de chia e uma xícara de chá verde gelado com limão
  • Almoço - 13h
    Salada de alface, agrião e tomate com uma colher de sopa de trigo em grãos, 1/2 colher de sobremesa de orégano fresco, uma colher chá azeite extra virgem e 1/2 limão a gosto. Duas colheres de sopa cheia de arroz integral, um filé médio de pescada branca grelhada e duas colheres de sopa de brócolis cozidos no vapor
  • Lanche da tarde - 16h
    Uma banana pequena; uma colher de chá de canela em pó e uma castanha de pará picada. Os alimentos podem ser aquecidos no micro-ondas
  • Jantar - 19h
    Um prato fundo de sopa de salsão, abóbora, couve manteiga temperada com azeite, cebola e alho. Salpique uma colher de sopa cheia de painço
  • Ceia - 22h
    Uma xícara de chá de erva cidreira e dois biscoitos integral
  • 2º dia da dieta detox pós-Páscoa
    • Desjejum - 7h
      Um copo de suco feito na centrífuga de uma laranja, três talos de espinafre e beterraba; duas fatias de pão integral sem glúten e uma colher de sobremesa de geleia de damasco
    • Colação - 10h
      Uma maçã picada; uma colher de sopa cheia de granola sem glúten e sem adição de açúcar e uma colher de chá de canela em pó
    • Almoço - 13h
      Duas colheres de sopa de arroz selvagem; um prato de sopa de salada de folhas verdes variadas junto com uma colher de chá de azeite extra virgem, 1/2 limão à gosto e uma colher de chá de tomilho; uma colher de cenoura no vapor e um salmão médio grelhado
    • Lanche da tarde - 16h
      Um copo de água de coco; uma castanha-do-Pará e três damascos
    • Jantar - 19h
      Sopa de berinjela e agrião, alho, cebola e uma colher de sopa de semente de abóbora
    • Ceia - 22h
      Uma xícara de chá hortelã com 3º dia da dieta detox pós-Páscoa
      • Desjejum - 7h
        Um copo de suco feito na centrífuga com três folhas de couve, uma maçã e uma pêra; duas fatias de pão de milho
      • Colação - 10h
        Uma laranja com bagaço
      • Almoço - 13h
        Duas colheres de sopa de arroz integral com lentilha; salada de batata yacon e folhas verdes temperada com uma colher de chá de azeite extra virgem e 1/2 limão à gosto; duas colheres de sopa de chuchu com salsinha e alho poró e um filé de atum fresco com alecrim e tomilho
      • Lanche da tarde - 16h
        Um copo de suco de abacaxi batido no liquidificador com 1/2 porção de gengibre e dois talos de hortelã; três ameixas
      • Jantar - 19h
        Uma sopa de tomate com tomilho, salsão, cebola, alho com 1/2colher de sopa de óleo de cártamo
      • Ceia - 22h
        Um copo de suco de limão batido com três morangos
    • 4º dia da dieta detox pós-Páscoa
      • Desjejum - 7h
        Um copo de suco feito na centrífuga de inhame, uma laranja e uma pêra; quatro biscoitos salgados integrais e sem glúten; 1/2 mamão papaia
      • Colação - 10h
        Um copo de iogurte natural
      • Almoço - 13h
        Duas colheres de chá de arroz selvagem; uma salada de pepino, tomate e agrião temperada com uma colher de chá de azeite extra virgeme 1/2 limão à gosto; uma alcachofra cozida no vapor e um filé pequeno de frango grelhado
      • Lanche da tarde - 16h
        Um copo de suco de melancia com pimenta rosa e gengibre batido no liquidificador; três damascos
      • Jantar - 19h
        Sopa cremosa de milho com uma colher de sopa cheia de linhaça
      • Ceia - 22h
        Uma torrada integral sem glúten e uma xícara de chá de erva-doce
      • 5º dia da dieta detox pós-Páscoa
        • Desjejum - 7h
          Um copo de suco feito na centrífuga com uma xícara de chá de repolho roxo, uma laranja e uma maçã; duas fatias de pão integral sem glúten e duas colheres de sobremesa de geléia de frutas vermelhas sem adição de açúcar
        • Colação - 10h
          Um cachinho de uva
        • Almoço - 13h
          Duas colheres de sopa de arroz integral; uma salada de alface, quatro tomates cereja, nabo e endívia temperada com uma colher de chá de azeite extra virgem e 1/2 limão à gosto; um papelote de salmão e dois inhame sotté
        • Lanche da tarde - 16h
          Um copo suco de limão e uma colher de sopa de uva passa
        • Jantar - 19h
          Sopa de batata yacon com espinafre, frango desfiado e uma colher sopa de gergelim
        • Ceia - 22h
          Uma xícara de chá de maracujá e canela em pau; uma torrada integral sem glúten
        6º dia da dieta detox pós-Páscoa
        • Desjejum - 7h
          Um copo de suco de uva integral sem adição de açúcar e duas fatias de pão de milho
        • Colação - 10h
          Uma banana média
        • Almoço - 13h
          Duas colheres de sopa de arroz integral; uma salada de broto de alfafa, beterraba ralada, cenoura ralada e pepino temperada com uma colher de chá de azeite extra virgem, 1/2 limão à gosto e uma colher de chá de tomilho; um filé de pescada branca assado com brócolis e cúrcuma
        • Lanche da tarde - 16h
          Uma taça de salada de fruta com meia colher de sopa de aveia
        • Jantar - 19h
          Caldo de legumes; um omelete pequeno com cebolinha
        • Ceia - 22h
          Uma xícara de chá de maçã e duas unidades de biscoito de água e sal sem glúten
        7º dia da dieta detox pós-Páscoa
        • Desjejum - 7h
          Um copo de suco de cenoura. duas torradas integrais; uma colher de chá de geleia de damasco sem adição de açúcar
        • Colação - 10h
          Uma fatia de melão
        • Almoço - 13h
          Duas colheres de arroz integral; um mix de saladas verdes temperado com uma colher de chá de de azeite extra virgem, 1/2 limão à gosto e uma colher de chá de tomilho; duas colheres de repolho no vapor e uma pescada branca pequena com alecrim
        • Lanche da tarde - 16h
          Um copo de suco de acerola e três ameixas
        • Jantar - 19h
          Um prato fundo de sopa de grão de bico com lentilha e frango desfiado
        • Ceia - 22h
          Um copo de suco de uva integral
    • Fonte:UOL