domingo, 8 de março de 2015

Que tal diminuir as porções para emagrecer?

Você já deve ter ouvido falar que a boa forma das francesas está ligada ao hábito de comer pequenas porções. Tanto que pesquisadores dos Estados Unidos, que têm índices alarmantes de obesidade, já confirmaram: mudanças sutis na quantidade de alimentos colocada no prato podem fazer muita diferença na balança.

A proposta de diminuir o que vai no prato passa por hábitos rotineiros. Por exemplo: por que tomar três bolas de sorvete se você pode saboreá-lo bem consumindo apenas uma delas? Em larga escala, passa por ajustes na tabela de informações nutricionais presente nos rótulos dos alimentos.  Na opinião do Food and Drug Administration (FDA), órgão norte-americano que regulamenta o assunto, muitas vezes a informação é confusa.
Aqui entre nós, é mesmo! Não dá para colocar na balança tudo que a gente consome diariamente. Facilmente, podemos ingerir 400 calorias achando que foram só 200. Outro passo é a obrigatoriedade de incluir alertas na embalagem, principalmente nas econômicas do tipo “pague menos e ganhe mais”.
Por aqui e já, que tal fazer como as francesas e diminuir, por conta própria, a quantidade de alimentos servidos no prato? Também vale comer a cada três horas, reduzindo as chances de “morrer de fome” e atacar um pacote inteiro de bolachas. Assim, tudo passa a ser permitido na dieta. Algo que, no mínimo, é très chic!
fONTE: LUCILIA DINIZ

Nenhum comentário:

Postar um comentário