domingo, 15 de dezembro de 2013

Almoce no Trabalho sem Comprometer sua Dieta

DICAS
 

 
Se a empresa onde você trabalha não tem restaurante próprio, saia à procura de um restaurante por peso (ou por quilo). Neste tipo de restaurante sempre são oferecidos vários tipos de pratos e você poderá optar pelos menos calóricos.


Nem tudo é perfeito. Esse mesmo restaurante por peso na hora da sobremesa oferece mil doces - mas, muitas vezes, nenhuma fruta. Não tenha dúvida: leve a sua de casa.


Pare para comer! Devorar um sanduíche de olho no computador não é nada saudável e certamente não vai saciar sua fome. Depois de pouco tempo você vai estar beliscando...


Na hora de escolher as guarnições, prefira aquela à base de legumes e verduras, novamente fugindo dos molhos!


Cuidado para não dobrar as calorias do almoço na hora da sobremesa. Corra para as frutas.


Atenção na escolha dos alimentos. A variedade é muito importante para o sucesso de qualquer dieta. Ninguém consegue comer filé de frango grelhado e salada a vida inteira.


Cuidado com os sanduíches naturais. A maioria tem muita maionese no recheio, o que significa muitas e desnecessárias calorias!


Se não tiver jeito e o seu almoço acabar em uma lanchonete cuja a especialidade são gigantescos hambúrgueres, opte pelo mais simples: pão, carne e salada. E fuja dos molhos.


Não adianta você tirar nota dez no almoço e não resistir as mil guloseimas que aparecem do nada durante a tarde. Fuja daquela colega que anda com mil calorias na bolsa, oferecendo para todo mundo.


Outro perigo é compensar na comida a ansiedade e o nervosismo, que muitas vezes fazem parte do trabalho. Um pacote de bolachas não vai resolver seu problema e ainda vai criar outro - sua dieta vai para o espaço e seu trabalho continua do mesmo jeito.


Se você almoça no restaurante da empresa, dê preferência a alimentos sem muita preparação, com molhos e cremes. Escolha aqueles mais simples, especialmente grelhados e cozidos.


E para beber? Água, água, água. Suco de frutas são calóricos. Refrigerantes nem pensar.


Atenção para não ficar um período muito longo sem comer. No máximo a cada 3 horas, coma uma fruta, dois biscoitos ou um copo de leite desnatado ou um iogurte. Assim você chega a refeição seguinte sem muita fome e pode escolher melhor os alimentos.


Ideal, ideal mesmo, é você levar o seu almoço de casa. Se onde você trabalha tem algum lugar para esquentar e comer sua comida, ótimo. Assim você controla ainda mais a sua dieta.


Bebida alcoólica nem pensar! Não combina nem com o trabalho nem com a dieta.


Uma boa opção para variar: levar saquinhos com capuccino diet para misturar com água quente!


Se tiver que apelar para um sanduíche, escolha alguma apenas com um recheio (pão com queijo por exemplo). Vale colocar salada junto. Para tornar sua refeição mais saudável, nesse caso um suco de frutas é um ótimo complemento.


Para o lanche da tarde ou um almoço rápido, que tal um patê light? Misture o queijo cottage com mostarda, salada desidratada e orégano. Coma com pão integral ou qualquer outro de sua preferência. Apenas não exagere na quantidade.


Esse mesmo patê pode acompanhar verduras e legumes crus. Experimente com pepino, cenoura e rabanete.


Uma voltinha no quarteirão depois do almoço também pode ser ótimo. Ajuda na sua digestão, refresca a cabeça e não deixa de ser um exercício.


Se você conseguir fugir para almoçar em casa, excelente! Deixe pronta uma refeição pouco calórica antes de sair para não demorar na hora do almoço. Além de econômico, seu almoço - fora do ambiente de trabalho - vai ser mais relaxante, ajudando você a recuperar as forças para o segundo tempo!


Vale fazer reivindicações! Uma garrafa térmica com água quente pode ser de grande valia. Você pode usar café solúvel, leite em pó, chás. E não se esqueça de usar adoçante para fugir dos cafés normalmente melados das empresas.


Não se esqueça de beber muita água. Às vezes as pessoas ficam tão envolvidas com o trabalho que não levantam nem para tomar um copo dágua. Perda de peso também envolve perda de líquido e a reidratação é super importante. Leve uma garrafinha de água para sua mesa e vá bebendo aos poucos. Além disso, a água forra o estômago, ajudando a tirar aquela sensação de fome.


Se você é o tipo que não pode parar um minuto,muita atenção no caso de pedir comida por telefone no trabalho. Não se empolgue no cardápio e, é claro, opte pelos pratos light. E, se a porção for generosa, evite consumir até o último grãozinho.


Uma opção para carregar iogurte, frutas, queijo light etc. é comprar uma bolsa térmica ou uma embalagem de isopor pequena. Elas ajudam principalmente nos dias quentes.


Se o pedido não for atendido, tudo bem. Leve sua própria garrafa térmica com água quente embaixo do braço!


Muito trabalho não é justificativa para você não fazer exercícios físicos. Se não der para freqüentar uma academia antes ou depois do seu horário de trabalho, tente ir caminhando até o serviço. Deixe o elevador de lado e passe a usar apenas escadas. Lembre-se sempre: qualquer exercício é melhor do que nenhum!


Evite fugidas à lanchonete ou à padaria da esquina. Salgadinhos, doces e refrigerantes podem acabar com sua dieta.


Um almoço de negócios não deve ser motivo para você sair da dieta. Evite o couvert e escolha um filé de frango ou de peixe grelhado, acompanhado por legumes e saladas. Para sobremesa fruta. Além de não sair da dieta, você vai impressionar pelo seu autocontrole e bom gosto!


Uma geladeira e um microondas também podem ser muito úteis. Dá para varias o seu lanche da tarde - e até mesmo o seu almoço. Caso a empresa não possa atender ao pedido, que tal fazer uma vaquinha com os colegas? Afinal, você com certeza passa mais tempo no trabalho do que em casa e esse é um conforto que será de grande incentivo para sua dieta.

Fonte: Modelle Center

Nenhum comentário:

Postar um comentário