quarta-feira, 27 de julho de 2011

Entenda a importância do café da manhã


Ele repõe a energia gasta durante o sono e ajuda a emagrecer

Entre o intervalo da última refeição e a primeira do dia seguinte, há um longo período em jejum. Mas, também nesta fase, houve a queima de glicose e de glicogênio: a reação ocorre para gerar energia e manter e as funções do organismo, como circulação, respiração e batimentos cardíacos. Ao acordar, os níveis dessas substâncias estão muito baixos e precisam ser repostos. Dessa maneira, você começa o dia com disposição e dispõe de um bom rendimento nas atividades cotidianas. O café da manhã tem essa importante função de repor a energia que foi gasta durante o sono. Além disso, estudos indicam que realizar o café da manhã ajuda no controle da ingestão alimentar durante o dia, auxiliando no controle do peso.

Alimentos
Os alimentos do café da manhã fornecem energia, principalmente os carboidratos encontrados nos pães, nas frutas e nas geléias. Além disso, leite e derivados (queijo e iogurte) fornecem proteínas e cálcio (nutriente importante para a saúde dos ossos). As fibras, que trazem saciedade e melhoram o funcionamento do intestino, também são encontradas nos alimentos que fazem parte dessa refeição.

Ingerir os alimentos corretos na quantidade certa é importante para manter o equilíbrio nutricional e calórico da refeição, buscando saciedade e retardando a sensação de fome. Dessa maneira, optar pelos alimentos que apresentam menor teor calórico, mas que fornecem nutrientes adequados para uma boa refeição ajudará a manter a alimentação durante o dia sob controle, além de colaborar para que atinja ou mantenha o peso adequado.

Fonte: yahoo

Saiba consumir queijos no inverno sem grandes prejuízos à dieta


Moderação é o segredo para que eles não pesem no corpo

Com a chegada do inverno, a procura por queijos aumenta, principalmente os mais gordurosos. Eles podem parecer mais apetitosos no inverno porque, para manter a sua temperatura, o corpo demanda mais energia - que virá da alimentação. "No inverno, precisamos de mais energia para nos aquecer, por isso a procura por alimentos mais calóricos, ricos em gordura e carboidratos", diz a nutricionista funcional Juliana Mayo.

Entre os queridinhos da estação, estão o gorgonzola, gruyère, estepe ou emmental e o requeijão tipo catupiry. São queijos muito utilizados em fondues, sopas e massas, como lembra a nutricionista Karla Brito Rodrigues. Mas todos eles são muito calóricos. Uma fatia (20g) de gorgonzola tem 96 kcal. Também com altas calorias, 28g de gruyère apresenta, segundo a USDA National Nutrient Database for Standard Reference, 116 kcal.

Além das calorias, eles também possuem alto teor de gorduras. "O pigmento amarelo dos queijos se dá pelo teor de gordura. Portanto, os queijos mais gordurosos são os mais amarelos", justifica Karla. Segundo ela, a gordura é responsável pelo sabor do laticínio, o que acaba aumentando a procura daqueles mais gordurosos.

Quando consumidos em excesso, esses queijos podem trazer consequências para a saúde. Juliana conta que, por serem ricos em gorduras saturadas, eles são responsáveis pelo aumento do nível de mau colesterol (LDL), problema que pode levar a doenças cardiovasculares. Sem contar que as calorias abundantes desses alimentos podem trazer resultados negativos na balança.

Sem maiores prejuízos ao corpo

Não desanime: apesar das taxas de gorduras e calorias, é possível consumi-los sem grandes prejuízos à saúde e ao peso. Primeiramente, devemos pensar em quantidades. Será mesmo necessário ingerir grandes quantias de queijos gordurosos, seja em fondues, sopas, tortas, massas ou até mesmo sozinho?


O segredo é a moderação. Quando consumidos em menores quantidades, os queijos gordurosos não trazem prejuízos ao corpo. Juliana Mayo aconselha que eles sejam consumidos, no máximo, duas vezes por semana.

"Se optar por comer fondue hoje, volte para sua dieta com ingredientes balanceados e saudáveis no dia seguinte. O ideal é balancear as calorias e nutrientes ingeridos ao longo da semana para comer tudo o que gosta, em quantidades adequadas, sem ganhar peso", aconselha Roberta Stella, nutricionista-chefe do Dieta e Saúde.

Outra dica valiosa dada por Roberta é servir os queijos gordurosos com acompanhamentos mais saudáveis. Ela conta que, quando você desvia a atenção do queijo, acaba consumindo em menores quantidades. Procure acompanha-los de saladas e frutas, como damasco.

Se você estiver disposto a abrir mão - mesmo que um pouco - dos queijos mais amarelos, Karla Rodrigues aconselha preferir queijos mais brancos, que têm teor de gordura mais baixo. "Quanto mais branco o queijo, menor a quantidade de gordura, calorias e sal. Uma excelente opção é a ricota", complementa Roberta Stella. O tipo cottage é outra boa escolha para o preparo de fondue mais light: uma colher de sopa conta com apenas 20 kcal.

Fonte: Yahoo