domingo, 4 de setembro de 2011

VICTOZA - O MAIS NOVO MEDICAMENTO PARA DIABETES TIPO 2


Victoza – Novo medicamento para tratamento da Diabetes tipo 2

A Novo Nordisk lançou o Victoza® (liraglutida) no Brasil, primeiro análogo de GLP-1 de dose única diária. Esta nova classe terapêutica representa uma revolução no tratamento do diabetes tipo 2, pois, conforme demonstrado em estudos clínicos, além de controlar o açúcar no sangue, liraglutida promoveu a diminuição do peso e da pressão arterial sistólica dos pacientes com diabetes tipo 2 que receberam o medicamento.

Victoza ® é 97% semelhante ao hormônio feitos em seu corpo, chamado de GLP-1 .

Quando você come, o GLP-1 ajuda a células beta no pâncreas a liberar a quantidade certa de insulina para transportar o açúcar do sangue para as células. Victoza ® tem o mesmo efeito e também ajuda a diminuir o tempo que leva para o alimento deixar o seu estômago, ajudando seu corpo a controlar o seu nível de açúcar no sangue. Victoza® também bloqueia o fígado na liberação de uma quantidade de açúcar, através da redução da quantidade de outro hormônio, chamado glucagon .

Victoza® já é comercializado nos EUA, Canadá, Alemanha, Reino Unido, França, Itália, Dinamarca, Irlanda, Noruega, Polônia, Áustria, Japão, Israel, México, Argentina, Arábia Saudita, Omã e China, bem como já está aprovado pela ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Novo Nordisk®- Sediada na Dinamarca, a Novo Nordisk é uma companhia global de cuidados com a saúde, com 88 anos de inovação e liderança no cuidado com o diabetes. A companhia tem também posições de liderança no tratamento à hemofilia, terapia com hormônio de crescimento e de reposição hormonal.

Observação importante:
Este medicamento é novo no mercado, provoca emagrecimento rápido , é indicado apenas para paciente diabético e não deve ser tomado com o objetivo somente de emagrecimento para outros tipos de paciente. Não existe estudos suficientes para comprovar a eficiência e a segurança do seu uso para outros pacientes. Portanto o seu uso deve ser indicado por médico.

2 comentários:

  1. eu sei mas e muinto caro par quem nao tem condicoes
    saaaaalete

    ResponderExcluir
  2. eu sei mas e muinto caro par quem nao tem condicoes
    saaaaalete

    ResponderExcluir