terça-feira, 12 de julho de 2011

Pessoas de idade precisam malhar mais para se manter em forma


Indivíduos com mais de 60 anos têm mais facilidade de perder musculatura.

Um estudo publicado na Medicine & Science in Sports & Exercise revelou que quanto mais idade uma pessoa tiver, mais ela terá que malhar para manter os seus músculos. A análise foi liderada pela University of Alabama, em Birmingham, na Inglaterra.

A pesquisa recrutou 70 participantes adultos, sendo 39 deles com idade entre 60 e 75 e 31, entre 20 e 35. Nos quatro primeiros meses de estudo, todos fizeram os mesmos exercícios três vezes por semana. Na segunda fase, foi analisada quanta musculatura era perdida por inatividade ou diminuição da frequência dos exercícios.

Ao final da análise, as diferenças foram notáveis. Os resultados apontaram que o grupo mais jovem que diminuiu a prática de exercícios mostrou pouca ou nenhuma redução na musculatura. Já os membros do outro grupo perderam parte de sua massa muscular ao reduzir os treinos.

Segundo os pesquisadores, a perda da musculatura conforme a idade avança é um dos processos mais desafiadores da biomedicina. Entretanto, manter-se ativo com exercícios, como o de levantamento de peso, é a melhor forma de se prevenir.

Prepare-se para a terceira idade
O envelhecimento ativo prioriza não só a parte física, a do movimento, mas também as atividades sociais, profissionais e afetivas. Por isso, para saber como chegar com saúde e viver plenamente a terceira idade confira as quatro dicas a seguir:

Cuide da sua alimentação: as evidências de que a obesidade está relacionada com a aceleração do envelhecimento e com a redução da expectativa de vida das pessoas já são certezas científicas. O aval para o seu aparecimento depende muito do ambiente em que o indivíduo vive, abrangendo seus hábitos de vida e sua alimentação.

Pratique atividades físicas: com a prática regular de exercícios físicos, o indivíduo emagrece, aumenta a sua força muscular, melhora a sua capacidade respiratória e, consequentemente, previne ou controla diversas doenças. Sozinha, a atividade física não garante a longevidade, mas certamente fortalece o organismo e colabora para elevar a expectativa média de vida de uma população.

Conviva bem com a sua própria imagem: quem vive tenso produz mais radicais livres, substâncias tóxicas responsáveis pela maioria dos sinais de envelhecimento, incluindo catarata, cabelo grisalho, pele seca, rugas e alguns tipos de câncer. Portanto, aquele que aceita com bom humor as mudanças do tempo e cuida da aparência, sente-se mais confiante, conquista a admiração das pessoas ao redor, melhora sua qualidade de vida e vive mais.

Crie um ambiente favorável à sua volta: a auto-estima e a vaidade estão diretamente ligadas às relações sociais. Quem só fica em casa, não tem motivação para se cuidar. É preciso arrumar uma desculpa para se arrumar. Para conquistar a longevidade, a ligação afetiva com o outro também é fundamental, seja com um companheiro ou mesmo com um grupo de amigos. O ser humano é sociável, precisa interagir com outros indivíduos.

Fonte: Yahoo

Nenhum comentário:

Postar um comentário