sábado, 23 de janeiro de 2010

Enxaqueca- Dicas para melhorar!

A Enxaqueca é um problema muito comum. Os estudos mostram que uma pessoa a cada cinco sofre dela. Além de dor de cabeça forte, a crise de enxaqueca pode vir acompanhada de uma série de outros sintomas, como náuseas, vômitos, tonturas, visão embaçada, formigamentos pelo corpo, etc.
Uma crise de enxaqueca pode ser desencadeada pelos mais diversos fatores. A lista é infinita e varia de pessoa para pessoa. Seria angustiante e uma grande perda de tempo sair à busca de todos os alimentos desencadeantes em cada um dos enxaquecosos, e recomendar a todos que os evitassem. Aquilo que desencadeia crise de enxaqueca para um, não necessariamente para outro.
A solução não é viver dentro de uma bolha e sempre passando vontade, mas sim melhorar para que você possa vir a se expor a esses ingredientes, sem ganhar uma crise de enxaqueca em troca. Isso é a verdadeira melhora da enxaqueca!
Normalmente, quanto mais grave uma enxaqueca, mais fatores (alimentares ou não) podem desencadeá-la, maior sua predisposição. Quando meus pacientes melhoram, comentam com alegria: "Antigamente, se eu comesse tal prato, era enxaqueca na certa. Outro dia eu comi, e não senti nada!!!"
Ter sua enxaqueca desencadeada por um fator, no caso um alimento, nem sempre significa que ele a esteja causando. Significa que você está com uma doença (enxaqueca) que predispõe o aparecimento dos sintomas mediante qualquer coisa, por mais inocente que seja.
Existem, entretanto, alimentos que estão por trás da causa da enxaqueca.

Ficar muito tempo sem se comer leva a uma baixa do açúcar no sangue (hipoglicemia), para a qual as pessoas que sofrem de Enxaqueca são muito sensíveis.
Coma 3 refeições bem balanceadas todos os dias. Nunca deixe a fome chegar. Evite "pular" refeições.

Possíveis fatores que causam a enxaqueca:·
stress pílula anticoncepcional· jejum (hipoglicemia)· consumo de cafeína em excesso· hereditariedade· TPM· Sono irregular· Pressão alta· Problemas de coluna· Ressaca alcóolica· Infecções· Má digestão· Mudanças bruscas de temperatura· Alergias alimentares

Alimentos que provocam enxaqueca:
Cafeína: café, refrigerantes à base de cola – coca, pepsi, etc-, chás Aspartame
Nitritos – em pessoas mais sensíveis: salsicha, linguiça, mortadela, presunto, defumados, salsichão,toucinho,peixe defumado
tiramina: chocolate, vinho tinto, amendoim, queijos duros, fígado de frango, coalhada, noz, carnes defumadas
Lactose – são capazes de causar alterações vasculares e assim causar enxaqueca: leite, sorvete, queijos, manteiga, creme de leite, queijo curado
Manteiga de amendoim,figo, banana, abacate, amendoim, cebola
Glutamato monossódico: molho de soja, temperos orientais, etc. De acordo com especialistas, o glutamato não é bem metabolizado e pode ser acumulado no sangue, desencadeando alterações vasculares e, como consequencia, enxaqueca.
Esse assunto tem divergências, mas, por via das dúvidas…

Dicas:
-Utilize mais gengibre: pesquisas afirmam que ele bloqueia a síntese de prostaglandina, levando à redução da dor.
- Substitua seu café por chá ou café descafeinado.- Evite o consumo de chocolate.
- Leia os rótulos dos alimentos e, aqueles que tiverem glutamato monossódico em sua composição devem ser evitados.
- Ao beber vinho, intercale com água, pois ela dilui o efeito do álcool.
- Na compra dos embutidos, evite os defumados, por conterem excesso de nitrato como conservante.
- Faça as refeições em intervalos regulares e porções pequenas, para evitar a má digestão

Nenhum comentário:

Postar um comentário