sexta-feira, 30 de outubro de 2009

COMO A SOJA PODE INFLUENCIAR NA TPM E MENOPAUSA

PREVENÇÃO DA TENSÃO PRÉ-MENSTRUAL (TPM) E DO CLIMATÉRIO (MENOPAUSA)
A tensão pré-menstrual e o climatério, que ocorrem nas mulheres, são causados por alterações hormonais, principalmente no nível de estrógeno no sangue.
As mulheres em fase de pré-menopausa e menopausa podem se beneficiar de uma dieta com ingestão diária de soja, por ser esta rica em isoflavonas.
As isoflavonas são fitoestrógenos com estrutura química bastante semelhante à do estrógeno. Entretanto, apresentam baixíssima atividade hormonal em humanos.
As taxas de estrógeno sangüíneo diminuem bastante durante o ciclo menstrual, causando a tensão pré-menstrual .
No climatério, essas taxas hormonais também são bastante reduzidas, surgindo problemas como ondas de calor, sudorese, pele seca, podendo até surgir a osteoporose.
Como as isoflavonas são estruturalmente semelhantes ao estrógeno, ligam-se aos receptores estrogênicos das células evitando o surgimento dos sintomas indesejáveis da tensão pré-menstrual e do climatério. As isoflavonas, atuando como hormônios, apresentam a vantagem de não causar efeitos colaterais, como aqueles observados em pacientes usuários de hormônios sintéticos. Apesar da semelhança com o estrógeno sintético, a atividade das isoflavonas é cerca de 100 mil vezes mais fraca do que a atividade destes.

VANTAGENS DA LINHAÇA

A linhaça é considerada um alimento funcional por ser fonte de ômega 3, fibras e lignanas (fitoestrógenos). Estes compostos fazem com que a linhaça auxilie na prevenção e controle de algumas doenças.

- A linhaça realmente ajuda na prevenção e combate de diversas patologias?

Sim. Estudos comprovam os efeitos benéficos do consumo regular de linhaça no controle e prevenção do risco de doenças cardiovasculares. Também atua na diminuição dos sintomas de TPM e as fibras auxiliam no controle de peso e regularização do intestino.Confira algumas de suas características:

Aliada do coração – O ômega 3 é uma gordura insaturada, aliada à saúde do coração. Estudos mostram que o consumo de linhaça, rica em ômega 3, reduz o colesterol total e o LDL (colesterol ruim) e a pressão arterial e aumenta o HDL (colesterol bom), confirmando o seu efeito cardioprotetor.

Antiinflamatório – A linhaça também possui efeito antiinflamatório, podendo ser usado no tratamento de artrite e dermatite.

Fortalece a imunidade – Sua ação antioxidante reforça o sistema imunológico.

Antidepressivo – Coadjuvante no tratamento da depressão, a linhaça melhora as funções mentais de idosos e de portadores de esquizofrenia.

Ação na memória – Estudos demonstram ainda que o ômega 3 presente na linhaça atua na prevenção de demência e mal de Alzheimer.

Anti-TPM – Pesquisas mostram que a linhaça é o principal alimento fonte de lignanas, que desempenham importante papel no equilíbrio hormonal, atuando no combate a sintomas de TPM (Tensão Pré-Menstrual) e menopausa.

Previne o câncer – Estudos mostram o efeito da linhaça na redução de risco de câncer hormônio dependente. A lignana protege contra câncer de mama e próstata, principalmente se combinada às isoflavonas da soja.

Controla e previne o diabetes – As fibras da linhaça auxiliam no controle das taxas de glicose sanguíneas, diminuindo o risco de diabetes.

Fortalece os ossos – Estudos com mulheres mostram o papel da linhaça na manutenção da saúde óssea.
Depois de ler isto tudo, consuma todos os dias, pelo menos, duas colheres de sopa de farinha de linhaça em sucos, leite, iogurte ou no feijão.Terá ótimos resultados na sua saúde.