segunda-feira, 28 de setembro de 2009

DIETA PARA ENDOMETRIOSE

COMO A DIETA PODE AJUDAR NA ENDOMETRIOSE

É sabida a importância que os alimentos têm na gênese de uma série de distúrbios do corpo humano. A endometriose parece ser uma doença ligada ao sistema imunológico e tudo o que leva ao seu enfraquecimento piora a doença.
A alimentação é importante para recuperar e auxiliar na manutenção da saude, e no caso da endometriose os alimentos funcionais auxiliam na manutenção da imunidade.
§ Soja, amendoim, legumes e ervilhas: diminuem o acumulo de estrogênio no organismo.
§ Mostarda, rabanete, repolho, nabo, agrião, brócolis, couve-flor: estimulam a produção de enzimas protetoras do metabolismo.
§ Cereja, uva, cebola, berinjela, rabanete, morango, tomate, melancia, goiaba: melhoram a defesa do organismo.
§ Brócolis, repolho, couve-flor, folha de mostarda: inibe o crescimento de cistos.
§ Linhaça, cevada, trigo, soja, aveia, brócolis, couve flor, espinafre, cenoura: inibe a produção de estrogênio.
§ Frutas cítricas, manjericão, brócolis: melhoram a imunidade.
§ Cebola, casca de uva: inibe a formação de coágulos e tem ação antiinflamatória, evitando assim as aderências.
§ Alho, cebola: estimula a produção de enzimas protetoras.
§ Iogurtes, coalhadas, queijos e leite fermentado: auxilia na recuperação da flora intestinal, regulando o intestino, previnem a perda óssea causada pelos análogos de GnRH (zoladex e lupron) e auxilia na terapia de cistite intersticial.
§ Óleo de cânola, semente de linhaça, peixes de águas profundas: aumentam a capacidade de defesa do organismo e inibe a produção de estrogênio.
§ Semente de linhaça: é rica em fitosteróis (lignanas) substancia que imitam a ação do estrogênio, atuando como “repositor hormonal natural” – diminuindo os sintomas da menopausa, como sudorese, cefaléia e insônia.

5 comentários:

  1. Gostaria de entender melhor a ação da soja e da linhaça como inibidoras e, ao mesmo tempo, imitadoras do estrogênio. Embora não tenha endometriose, acho importante a dieta pois, estou com 45 anos, apresento fluxo menstrual aumentado e pouco estrogênio.
    Agradeço as informações!
    Glaura

    ResponderExcluir
  2. Veja o artigo sobre a linhaça e depois o da soja que colocarei no blogg.

    ResponderExcluir
  3. ENDOMETRIOSE X SOJA
    Gostaria da sua opinião referente ao texto abaixo, pois tenho endometriose e estou realmente em dúvida referente as informações sobre a soja.

    "Todos nós estamos constantemente sendo bombardeados com informações da mídia sobre os benefícios da inclusão da soja na dieta. A soja contém isoflavona que é um fitohormônio semelhante ao estrogênio produzido pelo nosso organismo, tanto é que ela é indicada para as mulheres que já se encontram na menopausa com a finalidade de repor a falta do estrogênio natural do organismo.
    Sabemos que o hormônio estrogênio é prejudicial para nós portadoras de endometriose, tanto é que a maioria dos tratamentos sugere o uso de medicações visando suspender a produção do mesmo. Se você está suspendendo a produção do estrogênio no seu organismo através de medicações e ingerir alimentos que contém soja, a isoflavona vai procurar repor a falta desse estrogênio, seu organismo vai voltar a ter as taxas de estrogênio que você está tentando suspender com o medicamento."

    Obrigada

    ResponderExcluir
  4. Derlane,
    O consumo da soja pode ser prejudicial no caso de consumo em excesso e dependendo da frequência. Se comer algum suco ou carne de soja 1 a 2 vezes por semana, não terá prejuízos na sua saúde.
    Abraços,

    Patrícia Mendes

    ResponderExcluir